G1 Mundo

Boris Johnson diz que Putin o ameaçou com míssil; Kremlin nega

today30 de janeiro de 2023 17

Fundo
share close

Ex-premiê britânico disse que líder russo fez a ameaça em telefonema dias antes da guerra na Ucrânia. Governo russo acusou Johnson de mentir.




Boris Johnson, do Reino Unido, diz que Putin o ameaçou com um ataque de míssil

Boris Johnson, do Reino Unido, diz que Putin o ameaçou com um ataque de míssil

O ex-primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, afirmou ter sido ameaçado com um míssil pelo presidente da Rússia, Vladimir Putin.

Em entrevista para um documentário da rede britânica BBC, Johnson disse que a ameaça foi feita durante um telefonema entre os dois dias antes de a Rússia invadir a Ucrânia, em fevereiro do ano passado.

“Ele me ameaçou em um ponto e disse: ‘Boris, não quero machucá-lo, mas, com um míssil, levaria apenas um minuto’ ou algo assim”, relatou Johnson à BBC. “Mas acho que pelo tom muito relaxado que ele estava adotando, o tipo de ar de distanciamento que parecia ter, ele estava apenas jogando com as minhas tentativas de convencê-lo a negociar.”

Na ocasião, o então líder britânico tentava convencer Putin a desistir de invadir a Ucrânia, uma ameaça que ele vinha fazendo. O presidente russo já havia enviado tropas à fronteira entre os dois países.

Nesta segunda-feira (30), o governo russo negou as afirmações de Johnson. O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, afirmou que o ex-líder britânico mentiu.

O premiê britânico Boris Johnson e o presidente da Rússia, Vladimir Putin — Foto: Ints Kalnins/Reuters e Sputnik/Aleksey Nikolskyi/Kremlin/Reuters

Newsletter G1 Created with Sketch.

O que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.

Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita.

Obrigado!

Você acaba de se inscrever na newsletter Resumo do dia.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

32-pessoas-morreram-e-147-ficaram-feridas-apos-explosao-suicida-em-mesquita-no-paquistao

G1 Mundo

32 pessoas morreram e 147 ficaram feridas após explosão suicida em mesquita no Paquistão

Local era frequentado por policiais. Cerca de 260 pessoas estavam dentro do templo no momento da explosão. Pessoas circulam próximas a escombros de mesquita em Peshawar, no Paquistão — Foto: Maaz ALI / AFP 32 pessoas morreram e 147 ficaram feridas em uma explosão suicida nesta segunda-feira (30) em uma mesquita no quartel-general da polícia na cidade paquistanesa de Peshawar, informaram autoridades. Segundo a Reuters, muitas das vítimas eram policiais […]

today30 de janeiro de 2023 18

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%