G1 Mundo

Brics: Arábia Saudita, Argentina, Egito, Emirados Árabes Unidos, Etiópia e Irã; conheça os 6 países convidados para o bloco

today24 de agosto de 2023 23

Fundo
share close

Eles terão de cumprir com algumas condições para participar do grupo a partir de 1º de janeiro de 2024.

O debate sobre a expansão do bloco Brics, que inclui Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, esteve no topo da agenda durante as reuniões em Joanesburgo.

Mapa mostra a localização dos seis países convidados para se juntar aos BRICS — Foto: Arte g1



A seguir, saiba mais sobre os países convidados:

Localizada no Oriente Médio, é um dos maiores produtores de petróleo do mundo, o que garante a eles uma cadeira privilegiada nos debates da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep). A Arábia Saudita também é um dos membros do grupo G-20.

  • População: 37 milhões
  • PIB: U$ 1,1 trilhão (R$ 5,34 trilhões)
  • Regime de governo: Monarquia absolutista

Vizinha do Brasil, a Argentina possui um mercado amplo na área da agropecuária. É dono da segunda maior economia da América do Sul, mesmo durante uma das maiores crises econômicas da sua história.

O país também é membro do Mercosul.

  • População: 46 milhões
  • PIB: U$ 632 bilhões (R$ 3,07 trilhões)
  • Regime de governo: República presidencialista

Geograficamente posicionado entre o norte da África e o Oriente Médio, o Egito se tornou recentemente um dos países mais importantes nas negociações internacionais, já que construiu relações fortes com China e Rússia e, ao mesmo tempo, com os Estados Unidos.

  • População: 113 milhões
  • PIB: U$ 476 bilhões (R$ 2,3 trilhões)
  • Regime de governo: República semipresidencialista

Localizado na península arábica e com amplo acesso ao Golfo Pérsico também é um dos maiores produtores de petróleo e gás natural do mundo. País foi admitido no Banco de Desenvolvimento do BRICS em 2021, assim como o Egito.

O país também é membro de Opep.

  • População: 10 milhões
  • PIB: U$ 507 bilhões (R$ 2,4 trilhões)
  • Regime de governo: Monarquia absolutista

No Chifre da África, é considerada uma das nações mais pobres do mundo. No entanto, mesmo assombrado por guerras violentas como a do Tigré, encontra no mercado agropecuário uma forma de melhorar seu contexto econômico.

  • População: 127 milhões
  • PIB: U$ 126 bilhões (R$612 bilhões)
  • Regime de governo: República parlamentarista

Alvo de sanções econômicas dos Estados Unidos, o Irã busca por fortalecer laços econômicos com países não ocidentais para reestabelecer sua economia.

Dono de uma das maiores reservas de gás natural do mundo, o país também é membro da Opep.

  • População: 89 milhões
  • PIB: U$ 388 bilhões (R$ 1,88 trilhões)
  • Regime de governo: República teocrática




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

agua-radioativa-de-fukushima-e-realmente-inofensiva?

G1 Mundo

Água radioativa de Fukushima é realmente inofensiva?

É difícil ter uma discussão objetiva sobre a eliminação da água radioativa da usina de Fukushima. Até porque numerosos escândalos e uma política de informação pouco transparente reduziram severamente a confiança na antiga operadora, Tepco, e no governo japonês, com suas complexas conexões com a indústria nuclear. Também reduzido, entretanto, costuma ser o conhecimento sobre o que será realmente despejado no mar. Desde o devastador tsunami de 2011, esgotaram-se as […]

today24 de agosto de 2023 9

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%