G1 Santos

Caminhão tomba e derrama piche em rede de esgoto de Praia Grande; VÍDEO

today6 de dezembro de 2023

Fundo
share close

De acordo com a Prefeitura de Praia Grande, o veículo tombou enquanto subia em um guincho na Avenida Marechal Mallet, na noite da última segunda-feira (4). Com a queda, o material transportado acabou sendo derramado na via, sendo captado pela rede de esgoto próxima ao local do acidente.

Caminhão com piche tomba e derrama produto em avenida de Praia Grande — Foto: Imagens cedidas por Vivendo na Baixada



Os bombeiros atenderam a ocorrência e acionaram a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), que não registrou maior impacto ambiental.

Segundo a prefeitura, a galeria de águas pluviais, que direcionam as águas até rios, córregos ou canais, não sofreu grandes danos, apenas a galeria em frente ao local do acidente.

A empresa responsável pelo caminhão retirou o veículo da via e efetuou a sucção do material durante a madrugada da última terça-feira (5). Ainda de acordo com a administração municipal, a galeria em frente ao local do acidente passou por limpeza na noite do ocorrido e já está apta para funcionar normalmente.

De acordo com o químico doutor em Ciências da Saúde e pesquisador do Instituto de Pesquisas Científicas e Tecnológicas da UniSantos, Hirochi Yamamura, o derramamento desse material poderia ocasionar um maior impacto ambiental caso atingisse o sistema de águas pluviais da cidade.

“Ele pode causar algum dano ambiental caso seja destinado para o mar, vamos dizer assim. Vai ser um problema muito sério em relação aos peixes e ao ambiente marinho, porque ele não tem como ser retirado depois. Se cair numa galeria de águas pluviais e se espalhar, vai impactar ambientalmente de uma forma bem danosa”, disse.

Entretanto, ele destacou que, por se tratar de um material não-solúvel na água, a sua limpeza é facilitada em comparação a outros produtos. “Por ser mais sólido, ele fica mais fácil de você fazer a retirada desse produto. Se ele não se misturar com a água, fica bem mais tranquilo de se retirar.”, comentou.

Mesmo assim, caso tivesse atingido o sistema de águas pluviais, o especialista destacou que o produto poderia impactar negativamente o ecossistema local. “Ele possui um pouco de compostos aromáticos na sua composição, que são cancerígenos em sua grande parte. Isso pode servir de alimento para os peixes, e aí vai ser um problema sério”, finaliza.

VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

quatro-das-10-cidades-mais-violentas-do-estado-de-sp-sao-da-baixada-santista,-revela-estudo

G1 Santos

Quatro das 10 cidades mais violentas do estado de SP são da Baixada Santista, revela estudo

A elaboração do IECV é feita a partir de dados oficiais de segurança pública do estado, levando em consideração três dimensões de crimes com violência cometidos em cidades com ao menos 50 mil habitantes, sendo eles: crimes contra a vida, contra a dignidade sexual e patrimoniais. O cálculo da média ponderada é realizado após a divisão entre o peso e as distribuições das diferentes dinâmicas e formas de crime. Os […]

today6 de dezembro de 2023

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%