G1 Santos

Casal troca festa de casamento por viagem de carro ao Alasca: ‘dinheiro melhor utilizado’; VÍDEO

today31 de março de 2023 6

Fundo
share close

Um casal de Santos, no litoral de São Paulo, decidiu trocar a festa de casamento por uma viagem de carro até o Alasca, que começou há seis meses. Ao g1, o engenheiro Thiago Tavares, de 35 anos, e a arquiteta Carol Marcelino, de 34, contaram nesta sexta-feira (31) que estão felizes com a decisão e que a aventura pode durar até três anos. “Dinheiro melhor utilizado”, brincou a mulher sobre a escolha. (veja o vídeo acima).

Eles estão juntos há 12 anos e se casaram em setembro de 2022. A união foi firmada apenas no civil, uma vez que a ideia da viagem surgiu após calcularem o valor que seria gasto para dar uma festa. Com o ‘espírito aventureiro’, o casal traçou uma rota saindo de Santos (SP) até a cidade argentina de Ushuaia, que fica no extremo inferior da América do sul. Depois, o plano é ‘costear’ os países que são banhados pelo Oceano Pacífico – no lado oeste do continente americano – até o Alasca.

“Tínhamos o plano de um dia viver viajando e aproveitar mais a vida […]. Mas o que nos motivou mesmo foi a pandemia [de Covid-19]. Aquele ‘clique’ de que você precisa aproveitar agora, pois não se sabe o dia de amanhã”, explicou Carol.



“Fizemos as contas e, mesmo enxugando ao máximo, era um valor alto [o da festa] para apenas uma noite. Comemoramos só com a nossa família e amigos próximos. Decidimos usar [o dinheiro] na viagem, que acredito estar sendo melhor utilizado”, acrescentou a arquiteta.

Thiago Tavares e Caroline Marcelino saíram de Santos (SP) para uma viagem de carro até o Alasca — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Relacionamento e planejamento

Thiago e Caroline se conhecem desde a infância, mas começaram a namorar apenas na juventude, quando já estavam na faculdade. Segundo a arquiteta, antes da aventura, fizeram viagens pelo Brasil em que acamparam. “Gostamos bastante porque é uma opção bem mais barata e em que ficamos em contato com a natureza”, explicou.

O planejamento para uma grande viagem começou em março de 2020. Segundo Carol, antes do carro eles chegaram a considerar um veleiro como meio de transporte, mas a ideia foi descartada pois teriam que aprender a velejar e preparar a embarcação. O casal optou por um automóvel que foi apelidado carinhosamente de “Tortuga”, em referência a uma tartaruga, por ser “verde e lento”.

Já com a ideia de passar noites dentro do carro nas estradas do continente americano, os dois montaram uma espécie de ‘casa’ dentro do veículo. Para isso, se dividiram: a arquiteta elaborou o projeto, enquanto o marido ficou encarregado de montar as instalações.

Casal montou ‘casa’ dentro do carro apelidado de ‘Tortuga’ — Foto: Reprodução/Redes Sociais

O planejamento financeiro também foi feito. Segundo o casal, a viagem pode durar até três anos e, para isso, foi preciso uma organização, uma vez que eles não vão trabalhar durante o período.

Casamos e já decidimos fazer essa viagem de carro, que é a Lua de Mel

— Carol Marcelino, arquiteta

O objetivo era sair de Santos (SP) e passar por aproximadamente 14 países até chegar no Alasca, mais especificamente na cidade de Prudhoe Bay, que fica ao norte do estado estadunidense. Segundo Thiago Tavares, o local é o “último ponto que pode ser acessado por estrada”.

Apesar disso, alterações aconteceram tanto no percurso quanto na duração. “O planejamento inicial era fazer a viagem em dois anos, só que já se passaram seis meses e estamos indo mais devagar que o esperado. Provavelmente vai para dois anos e meio ou três anos”, disse ele.

“Pegamos o mapa e traçamos uma rota. Foram apenas alguns pontos de interesse, pois ela mudou no caminho. Se alguém fala que tem um lugar mais legal, verificamos se podemos ir. Antes de sairmos [de Santos], vimos a quilometragem, quanto estava o diesel em cada país e a média de custo de alimentação. Com isso, tivemos um um valor [aproximado]”, complementou Carol.

O engenheiro afirmou, ainda, que uma vez alcançado o destino final, a maneira para a volta a Santos será analisada. No momento, de acordo com ele, existem três possibilidades: retornar dirigindo o ‘Tortuga’, enviar o veículo de navio ou até mandá-lo para outro continente e fazer uma nova viagem.

Casal planeja passar por aproximadamente 14 países antes de chegar no destino final da viagem — Foto: Arquivo Pessoal

O casal diariamente publica fotos e vídeos mostrando a rotina na estrada. Nas imagens, é possível ver os dois dormindo dentro do carro e acordando com uma bela vista, seja de praias, montanhas ou lagos. O perfil deles no Instagram, inclusive, conta com mais de 80 mil seguidores.

A arquiteta comentou que considera a liberdade de uma viagem de carro como um dos principais pontos positivos. “Você não fica ‘travado’ com a obrigação de estar em uma cidade e depois ir para o lugar ‘X’ ou ‘Y’, como acontece na época de férias do trabalho e em viagens de avião, por exemplo”.

Por outro lado, a falta de conforto pode ser um ponto ‘negativo’. “É um pouco cansativo porque todos os dias você tem que procurar um lugar para dormir”, citou. “Brincamos que temos algumas ‘conquistas’ [diárias]: se já achamos onde vamos tomar banho, dormir ou passar roupa. São coisas simples em casa, mas, hoje, é algo ‘maior’ para nós, mas não chega a nos incomodar”.

Casal ainda analisa como vai voltar para Santos (SP) após a aventura — Foto: Reprodução/Redes Sociais

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

motorista-que-bateu-o-carro-ao-se-distrair-dando-cantadas-em-turistas-diz-estar-divorciada-e-‘aproveitando-a-vida’;-video

G1 Santos

Motorista que bateu o carro ao se distrair dando cantadas em turistas diz estar divorciada e ‘aproveitando a vida’; VÍDEO

A investidora Patrícia Mara Martins, de 41 anos, que mora em Praia Grande, no litoral de São Paulo, confirmou ter gritado para chamar a atenção dos turistas de Guarulhos (SP). "Passaram dois gatões, eu olhei e não aguentei, né? Falei: 'Ai, droga'. Foi na hora da batida". Sobre a expressão usada, contou ser a marca registrada dela, que logo foi reconhecida por amigos e parentes, que a enviaram diversas mensagem […]

today31 de março de 2023 38

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%