G1 Mundo

Caso Robinho: imprensa italiana repercute decisão do STJ de mandar prender ex-jogador

today21 de março de 2024 6

Fundo
share close

O caso aconteceu em 2013, em uma discoteca. Além de Robinho, outros cinco brasileiros foram condenados.

A condenação de nove anos foi confirmada por um tribunal de apelações em 2020 e validada pela Suprema Corte da Itália em 2022. Após a confirmação da condenação em três instâncias, a Itália pediu a extradição do brasileiro — ação vedada pela Constituição Federal — e emitiu um mandado de prisão internacional.

Como o Brasil não pode extraditar Robinho, a Itália recorreu ao STJ, por meio do Ministério da Justiça, com o pedido para que a pena seja cumprida no Brasil.



O STJ não julgou novamente a acusação contra o ex-jogador, ou seja, não revisitou o caso, avaliando fatos e provas. Simplesmente se manifestou se Robinho poderia ou não ser preso no Brasil.

Veja a repercussão na Itália, onde Robinho foi originalmente condenado:

Reprodução de página do ‘La Gazzetta dello Sport’ — Foto: Reprodução

“La Gazzetta dello Sport”, de Milão, o principal jornal de esportes da Itália, afirma que o ex-jogador terá que cumprir pena de nove anos “em seu país de origem” por ter “sido condenado por participar de um estupro coletivo em que uma mulher albanesa foi vítima, em uma boate de Milão, em 2013”.

O texto afirma que Robinho ainda não foi preso.

Corriere dello Sport destaca decisão do STJ sobre Robinho — Foto: Reprodução

O “Corriere dello Sport”, de Roma, afirmou que Robinho irá cumprir pena por estupro no Brasil e que o caso do ex-jogador “finalmente passa por uma virada”. A reportagem afirma ainda que Robinho pode recorrer da decisão no STF.

Tuttosport fala sobre decisão do STJ e Robinho — Foto: Reprodução

O “Tuttosport” afirmou que a decisão do STJ impõe que Robinho cumpra a sentença de prisão determinada pelo Tribunal de Milão, em 2017. A reportagem também relembra as passagens do ex-jogador pelo AC Milan e pela Seleção Brasileira.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

terremoto-de-magnitude-5,3-atinge-o-japao

G1 Mundo

Terremoto de magnitude 5,3 atinge o Japão

Tremor suspendeu serviço de trem bala e fez com que usina nuclear parasse para uma checagem. Governo emitiu um alerta sobre o terremoto, mas sem risco de tsunami. Terremoto de 5.3 atinge o Japão Um terremoto de magnitude 5,3 foi sentido na Região Metropolitana de Tóquio, no Japão, na manhã desta quinta-feira (21), pelo horário local — noite de quarta-feira (20), no Brasil. Segundo a Agência Meteorológica Japonesa, o epicentro […]

today21 de março de 2024 5

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%