G1 Santos

Censo aponta que 289 moradores da Baixada Santista não têm banheiro em casa

today23 de fevereiro de 2024 3

Fundo
share close

Os novos dados do Censo 2022 mostram que 289 munícipes da Baixada Santista, no litoral de São Paulo, moram em residências sem banheiro e sanitário. As informações foram divulgadas nesta sexta-feira (23) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Bertioga (SP) é a cidade da região que tem mais moradores sem banheiro em casa. São 87 pessoas que não têm um cômodo com vaso sanitário. Na sequência, estão as cidades de Praia Grande com 59 moradores, Guarujá com 41 e Mongaguá com 26.

Cubatão e Itanhaém, no entanto, têm os melhores índices no quesito. Apenas 8 e 7 moradias, respectivamente, não têm banheiro. (Confira abaixo os dados das noves cidades da Baixada Santista).



Bertioga – 63.985 moradores com domicílios permanentes ocupados

  • 99,62% moradores com banheiro
  • 87 não tinham banheiro ou sequer um sanitário

  • 99,90% moradores com banheiro
  • 8 não tinham banheiro ou sequer um sanitário

  • 99,78% moradores com banheiro
  • 41 não tinham banheiro ou sequer um sanitário

  • 99,87% moradores com banheiro
  • 7 não tinham banheiro ou sequer um sanitário

  • 99,60% moradores com banheiro
  • 26 não tinham banheiro ou sequer um sanitário

  • 99,83% moradores com banheiro
  • 21 não tinham banheiro ou sequer um sanitário

  • 99,91% moradores com banheiro
  • 59 não tinham banheiro ou sequer um sanitário

  • 99,86% moradores com banheiro
  • 18 não tinham banheiro ou sequer um sanitário

  • 99,95% moradores com banheiro
  • 22 não tinham banheiro ou sequer um sanitário

De acordo com o Censo 2022, 1,2 milhão de pessoas no Brasil (0,6% da população) moram em residências sem banheiro.

Em 71,1 milhões de domicílios, onde residem 197,5 milhões de pessoas (97,8% da população brasileira) há ao menos um banheiro de uso exclusivo.

O Censo também levantou dados sobre banheiros compartilhados entre mais de um domicílio. Essa situação ocorre, por exemplo, quando um terreno tem dois ou mais imóveis que compartilham o mesmo banheiro. De acordo com o levantamento, 0,5% da população reside em domicílios nessa situação.

A terceira situação é a utilização de sanitários ou buracos, compartilhados ou não. Enquadram-se nesse modelo os domicílios que não possuem banheiros, mas fazem uso de alguma instalação sanitária mais simples. O índice de moradias nessa condição é de 1,2%.

A desigualdade de renda existente no Brasil também pode ser sentida na diferença entre o número de banheiros em cada domicílio. Enquanto 5,4 milhões de brasileiros moram em lares com mais de quatro banheiros, 3,5 milhões não têm banheiro nem sanitário ou possuem apenas um buraco para dejeções.

VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

esposa-de-daniel-alves-fala-pela-primeira-vez-apos-condenacao-por-estupro:-‘nem-sempre-preciso-dizer-como-me-sinto’

G1 Mundo

Esposa de Daniel Alves fala pela primeira vez após condenação por estupro: ‘Nem sempre preciso dizer como me sinto’

“Estava pensando aqui e (...) são incoerentes. Porém, me surpreendeu bastante as feministas. São tão feministas para umas coisas, mas para outras… Como é que estão dizendo por aí? Me chamam de frívola, de garotinha… e por que? Porque estou trabalhando, claro. Mas, se não trabalho, quem está pagando as contas? Mas tem coisa pior, barbaridades piores que escuto por aí. A moda é criticar”, disse Sanz. Joana disse que […]

today23 de fevereiro de 2024 4

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%