G1 Santos

Chip, apontado como assassino de PM da Rota, passa por 2ª audiência e tem prisão temporária decretada litoral de SP

today16 de fevereiro de 2024

Fundo
share close

A sessão ocorreu no início da tarde desta sexta-feira. Após a audiência de custódia, segundo o advogado de defesa, Eduardo Jorge, Kaique foi ouvido pela Polícia Civil e liberado para ser direcionado para uma unidade prisional. O presídio para onde será levado ainda não foi divulgado.

“Agora, a gente vai entrar no caso, analisar todo o contexto processual para fazer a defesa dele”, disse o advogado.

Segundo a defesa de Kaique, a audiência que ocorreu em Santos foi um “cumprimento legal”. Chip foi preso em outro estado e, por isso, é de praxe que o suspeito se apresente também às autoridades santistas. O crime ocorreu no último dia 2 de fevereiro, no bairro Bom Retiro, em Santos.



“Até também por motivos de integridade física dele, para constatar que está preservada. Nesse momento, ele está passando por exame de corpo delito”, disse Eduardo ao g1, por volta de 11h20.

Vídeo mostra o PM da Rota sendo baleado no rosto em viela no litoral de SP

Vídeo mostra o PM da Rota sendo baleado no rosto em viela no litoral de SP

O assassinato do policial Samuel aconteceu durante patrulhamento de rotina na Praça José Lamacchia, no bairro Bom Retiro. O agente chegou a ser socorrido para a Santa Casa de Santos, mas morreu no local.

Imagens registradas pela câmera corporal de Samuel mostram o PM avançando armado pela comunidade acompanhado de outros dois agentes da corporação (assista acima). De acordo com o boletim de ocorrência, o trio estava em um patrulhamento de rotina contra o tráfico de drogas .

‘Chip’ foi preso em um apartamento na Avenida Lindormira Borges do Nascimento, no bairro Gávea, na cidade mineira. Ele foi trazido a Santos na última quinta-feira (15) e foi levado à cadeia anexa do 5º Distrito Policial (DP) de Santos, mas o presídio para onde será transferido ainda não foi divulgado.

Policiais militares Marcelo Augusto da Silva, Samuel Wesley Cosmo e José Silveira dos Santos, mortos na Baixada Santista (SP) — Foto: Reprodução/Redes Sociais e g1 Santos

Segundo a Polícia Civil, Marcelo foi atingido por um disparo na cabeça e dois no abdômen. Ele integrava o 38º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano (BPM/M) de São Paulo, mas fazia parte do reforço da Operação Verão em Praia Grande (SP).

No dia 2 de fevereiro, o policial das Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota) Samuel Wesley Cosmo morreu durante patrulhamento de rotina na Praça José Lamacchia, no bairro Bom Retiro. O agente chegou a ser socorrido para a Santa Casa de Santos (SP), mas morreu na unidade.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

governo-biden-informa-congresso-dos-eua-sobre-ameaca-nuclear-russa

Gospel Prime

Governo Biden informa Congresso dos EUA sobre ameaça nuclear russa

O governo Joe Biden informou ao Congresso dos Estados Unidos e aos europeus sobre uma nova capacidade nuclear da Rússia, sob o comando de Vladimir Putin, que pode representar uma ameaça à segurança global. A questão foi vazada para alguns órgãos da imprensa norte-americana. O presidente Biden tem buscado a aprovação da Câmara dos Representantes, dominada pelo Partido Republicano, para um pacote de ajuda à Ucrânia no valor de R$ […]

today16 de fevereiro de 2024 2

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%