Pleno News

Conheça o grupo terrorista Hamas

today10 de outubro de 2023 75

Fundo
share close

Lawrence Maximo – 10/10/2023 15h58

Palestinos em cima de jipe israelense em Gaza Foto: EFE/EPA/HAITHAM IMAD

Escrevi este artigo em 2021, intitulado: O Hamas e sua Guerra Santa, e ele foi publicado pela Gazeta do Povo. Confira alguns trechos.

Segundo o Shabak, a agência de segurança de Israel, o fundador do Hamas foi o xeque Ahmed Ismail Hassan Yassin, um sacerdote espiritual, renomado líder político palestino da Faixa de Gaza.

Em 1987, com a eclosão da Primeira Intifada, Yassin fundou o grupo terrorista Hamas. Em 1989, foi preso por israelenses e condenado à prisão perpétua. Em 1997, foi libertado em troca de dois agentes da Mossad, capturados em solo jordaniano quando tentavam matar outro integrante do Hamas, Khalid Meshal. O governo de Israel afirma que Yassin teria diretamente autorizado uma série de atentados suicidas.

O Hamas, “movimento de resistência islâmica”, é um órgão fundamentalista islâmico, grupo terrorista paramilitar, radical e sunita, que aspira estabelecer um Estado religioso palestino em vez do Estado de Israel, tendo começado a operar nos territórios em dezembro de 1987, no início da primeira revolta.



O Hamas se define – de acordo com sua carta, publicada em agosto de 1988 – como a “ala palestina” da Irmandade Muçulmana. Opõe-se fortemente ao reconhecimento e ao diálogo com o Estado de Israel e santifica a jihad (“guerra santa”) como uma maneira exclusiva de governar e dominar todo o território palestino com o radicalismo islâmico e atos terroristas.

O islamismo autêntico não pode ver o mundo por outra ótica a não ser a de sua religião, que é, por outro lado, militante e, como toda fé desta natureza, se acha dona de uma verdade absoluta, que deve ser imposta aos “infiéis”.

Desde 2005, além da faceta militar do Hamas – com as brigadas Al-Qassam –, o grupo terrorista que controla Gaza também é um partido político. Assim o Hamas também passou a atuar no processo político da Palestina. A organização fundamentalista tem governado a Faixa de Gaza desde 2007.

O Hamas, portanto, na qualidade de organização terrorista genocida e movimento nacionalista paramilitar na Faixa de Gaza e na Cisjordânia, usa extrema violência com atos terroristas para alcançar os seus objetivos, com lançamento de foguetes e ataques suicidas.

Por fim, para os cidadãos de Gaza, a história permanece a mesma: eles vivem sob o controle de um grupo terrorista, empenhado na destruição de Israel e determinado a sacrificar seu próprio povo em uma guerra impossível de vencer.

Leia mais em: O Hamas e sua Guerra Santa.

Siga-me no Instagram.

Lawrence Maximo é cientista político, analista internacional de Israel e Oriente Médio, professor e escritor. Mestrando em Ciência Política: Cooperação Internacional (ESP), Pós-Graduado em Ciência Política: Cidadania e Governação, Pós-Graduado em Antropologia da Religião e Teólogo. Formado no Programa de Complementação Acadêmica Mastership da StandWithUs Brasil: história, sociedade, cultura e geopolítica do Oriente Médio, com ênfase no conflito israelo-palestino e nas dinâmicas geopolíticas de Israel. Escreve artigos para o jornal Gazeta do Povo.

* Este texto reflete a opinião do autor e não, necessariamente, a do Pleno.News.

Leia também1 Hamas atacou Israel no aniversário da Guerra do Yom Kippur. Entenda

2 A reação de Israel acontecerá na mesma proporção que os ataques do Hamas

3 Israel: Bebês foram degolados por terroristas do Hamas

4 Deus abençoe Israel e as nações

5 1º avião da FAB decola de Tel Aviv com brasileiros resgatados

Siga-nos nas nossas redes!

O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Pleno News.

Por: Lawrence Maximo

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

feira-de-adocao-de-caes-reune-mais-de-100-pessoas-na-praca-14-bis

Prefeitura de Guarujá

Feira de adoção de cães reúne mais de 100 pessoas na Praça 14 Bis

Realizado no último sábado (7), o evento durou quatro horas A Prefeitura de Guarujá realizou uma feira de adoção de cães, que contou com mais de 100 pessoas na Praça 14 Bis, em Vicente de Carvalho. A ação durou quatro horas, no último sábado (7), e foi coordenada pela Superintendência de Proteção e Bem-Estar Animal da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau). Adote um bichinho A Superintendência de Proteção e Bem-Estar Animal, localizada à Rua Maria […]

today10 de outubro de 2023 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%