G1 Mundo

Coreia do Norte dispara projéteis no mar em resposta a exercícios da Coreia do Sul

today6 de dezembro de 2022 10

Fundo
share close

Disparo ocorre um dia depois que os norte-coreanos afirmaram ter disparado mais de 130 projéteis no mar em suas costas leste e oeste.


A Coreia do Norte disse na terça-feira (6), horário local, que ordenou disparos de projéteis de artilharia no mar em resposta aos exercícios contínuos da Coreia do Sul na fronteira. As informações são da agência oficial norte-coreana KCNA.



O disparo ocorre um dia depois que a Coreia do Norte afirmou ter disparado mais de 130 projéteis no mar em suas costas leste e oeste, alguns dos quais atingiram uma zona tampão perto da fronteira marítima entre as duas Coreias. Para Seul, a atitude violou um acordo de 2018 para reduzir as tensões entre os países.

Newsletter G1 Created with Sketch.

O que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.

Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita.

Obrigado!

Você acaba de se inscrever na newsletter Resumo do dia.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

sudao:-presidente-e-grupos-politicos-assinam-acordo-pro-democracia

G1 Mundo

Sudão: presidente e grupos políticos assinam acordo pró-democracia

A estrutura do acordo, que foi assinada pelo presidente, Abdel-Fattah Burhan, pelo vice, Mohammed Hamdan Dagalo, e pelos líderes das Forças pela Declaração de Liberdade e Mudança, parece oferecer apenas as linhas gerais de como o país retomará sua progressão para a democracia. Esse processo foi interrompido em outubro de 2021, quando Burhan destituiu a metade civil do Conselho de Soberania governante do Sudão com o apoio de Dagolo. Desde […]

today6 de dezembro de 2022 20

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%