G1 Santos

Defesa Civil descarta onda de calor na Baixada Santista, mas alerta para altas temperaturas; entenda

today14 de dezembro de 2023 7

Fundo
share close

A Baixada Santista está sob alerta de altas temperaturas, devido a uma massa de ar quente, entre esta quinta-feira (14) e sábado (16). Segundo divulgado pela Defesa Civil do Estado de São Paulo e centros de previsão meteorológica, uma onda de calor agirá sobre várias cidades paulistas, mas não deve atingir Santos e as outras cidades da região (veja abaixo).

De acordo com o órgão estadual, os termômetros na Baixada poderão atingir 31°C no período. Ao g1, o meteorologista Franco Cassol, da Defesa Civil de Santos, tranquilizou a população e explicou que as regiões mais afetadas estão no interior do Brasil, como Goiás, Mato Grosso e o interior paulista.

“Aqui no litoral já está esquentando, no começo da semana as temperaturas foram mais amenas. Ontem [quarta-feira], a máxima já chegou a 30°C em Santos. De quinta-feira a pelo menos terça-feira que vem, as temperaturas máximas devem chegar a 32°C, 33°C na região. Então, serão dias quentes com bastante sol, em quase todos os dias”, disse.



Apesar da necessidade de se proteger do calor, a previsão indica que não haverá temperaturas fora do normal, levando em conta a época do ano. O especialista afirma que a média é de 30°C.

Ele ressaltou que, ao ouvir o termo “onda de calor“, a população tende a acreditar que os termômetros subirão de forma extrema. Isso ocorrerá em algumas cidades do estado, mas não na Baixada Santista.

“A onda de calor é estabelecida quando a temperatura fica, pelo menos, 5°C acima da média durante, pelo menos, 3 dias seguidos. Então, teria que ser ao menos mais de 34°C, 35°C para ser oficialmente uma onda de calor. Não é o caso”, completou.

Com máximas entre 32°C e 33°C a partir desta quinta, as mínimas na Baixada Santista poderão chegar a 24°C ou 25°C até a próxima segunda-feira (18).

Para enfrentar as altas temperatura de forma saudável, é necessário cuidar principalmente da alimentação e evitar uma desidratação. Alimentos com maior concentração de água são os mais recomendados, incluindo a ingestão de água, frutas, legumes e verduras na rotina pessoal.

Como forma de proteção, é possível usar óculos de sol, chapéus, camisas, de preferência aquelas que tenham um tecido que confere algum tipo de proteção, com filtros solares, de preferência de fator alto, 70, 90. É muito importante que se use bastante hidratação, seja tópica, com hidratantes leves, e via oral, com dois ou três litros de água por dia.

A Defesa Civil recomenda cuidado redobrado para as pessoas mais vulneráveis, como idosos, crianças, gestantes ou que tenham algum tipo de comorbidade.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

caminhao-do-peixe-tem-pescados-a-precos-acessiveis

Prefeitura de Guarujá

Caminhão do Peixe tem pescados a preços acessíveis

De segunda (18) a quinta-feira (21) é possível aproveitar o equipamento para garantir diversos tipos de pescado De segunda (18) a quinta-feira (21), o Caminhão do Peixe da Prefeitura de Guarujá percorre os bairros da sede do Município e do Distrito de Vicente de Carvalho oferecendo pescados a preços mais acessíveis. No veículo, a população poderá encontrar sardinha, mistura, corvina, pescada, espada, camarão, tilápia, bagre, carapeva, gordinho, tainha e galo. Em alguns pontos de parada […]

today14 de dezembro de 2023 8

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%