G1 Mundo

Dina Boluarte assume a presidência do Peru após impeachment de Pedro Castillo

today7 de dezembro de 2022 4

Fundo
share close

Dina Boluarte, que era a vice-presidente de Pedro Castillo, assumiu a presidência do Peru nesta quarta-feira (7) e, assim, tornou-se a primeira mulher a liderar o país.

A nova presidente fez seu juramento no Congresso. O presidente da Câmara, José Williams Zapata, passou a faixa para ela.

Ao assumir, Dina disse que houve uma tentativa de golpe de Estado de Pedro Castillo, e que o Congresso evitou isso.



A nova presidente pediu unidade de todos os peruanos e disse que é preciso conversar e tentar chegar a acordos. Dina anunciou que vai pedir para que o Ministério Público a ajude a tirar “as máfias” do governo e que o gabinete dela terá “todas as forças democráticas”.

No salão do Congresso havia representantes das Forças Armadas, que foram aplaudidos durante o discurso de Dina.

Dina Boluarte ao assumir a presidência do Peru — Foto: Sebastian Castaneda/Reuters

Como Dina chegou ao poder

Dina Boluarte chegou ao poder depois que o Congresso aprovou o impeachment de Castillo. Ele foi destituído após uma tentativa de dissolver o Legislativo e decretar estado de exceção e toque de recolher no Peru.

A reação no país fui rápida: a Suprema Corte chamou a decisão de golpe de Estado, assim como a polícia, as Forças Armadas e o Ministério Público.

Após a aprovação do impeachment, os deputados convocaram Dina Boluarte para assumir a presidência no próprio Congresso. Os deputados aguardaram a chegada dela.

Em julho de 2021, Dina Boluarte foi nomeada por Pedro Castillo ministra do Desenvolvimento e Inclusão Social do Governo. Ela renunciou ao cargo em novembro deste ano, após mais de um ano no ministério.

A nova presidente é da cidade de Chalhuanca, e formou-se em direito.

Ainda como vice-presidente, ela criticou a tentativa de Castillo de fechar o Congresso.

Imagem de Pedro Castillo e Dina Boluarte em novembro de 2022 — Foto: Ernesto Benavides/ AFP

VÍDEOS: mais assistidos do g1




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

china-anuncia-afrouxamento-nacional-de-restricoes-anticovid

G1 Mundo

China anuncia afrouxamento nacional de restrições anticovid

As novas regras representam um alívio significativo da política de "covid zero" do presidente Xi Jinping – um curso que perdurou ao longo dos quase três anos de pandemia e cujas medidas severas permaneciam ativas muito depois de o resto do mundo ter abdicado delas e aprendido a conviver com o coronavírus. No entanto, com as taxas de vacinação ainda baixas entre os idosos da China e um sistema de […]

today7 de dezembro de 2022 7

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%