Gospel Prime

Ditador chinês pede “mais controle de atividades religiosas ilegais”

today30 de agosto de 2023 3

Fundo
share close

O presidente chinês, Xi Jinping, fez uma visita surpresa a Xinjiang, instando os oficiais da região a conservarem a “estabilidade social duramente conquistada” e a aprofundar os esforços no controle das “atividades religiosas ilegais”. Esta foi apenas sua segunda visita desde o lançamento de uma repressão extrema sobre a população muçulmana uigur e turca da área quase uma década atrás. 

Segundo The Guardian, Xi chegou à cidade de Urumqi no sábado, onde ouviu um relatório de trabalho do governo e fez um discurso para os membros do partido comunista e oficiais do governo. Durante sua visita, Xi instou os oficiais a “promover mais profundamente a sinicização do Islã e controlar efetivamente as atividades religiosas ilegais”. 

Nesse sentido, a repressão de Xi à região e à população uigur foi rotulada como uma tentativa de genocídio por alguns governos, grupos de direitos humanos e entidades legais. As autoridades chinesas detiveram pelo menos 1 milhão de pessoas em centros de detenção e reeducação, além de implementar vigilância em massa e opressão sistemática da expressão religiosa e cultural.  

Além disso, grupos de pesquisa relatam que locais religiosos e culturais foram destruídos ou em grande parte fechados para observadores religiosos. No ano passado, a ONU encontrou evidências credíveis de tortura e outros abusos dos direitos humanos contra os uigures, enquanto a Human Rights Watch e organizações de controle legal afirmam que crimes contra a humanidade foram cometidos.

No entanto, Xi e outros altos funcionários rejeitam categoricamente as acusações, que eles afirmam fazerem parte de um plano ocidental para difamar a China. Em vez disso, eles afirmam que a política é um programa de combate ao extremismo e de alívio da pobreza.



Por fim, de acordo com um relatório sobre a visita, Xi disse aos oficiais que o “problema de identidade cultural” precisava ser resolvido para consolidar a nação chinesa, o PCCh e o “socialismo com características chinesas”. Kenneth Roth, ex-diretor executivo da Human Rights Watch, descreveu a visita como representando um “reforço de seus crimes contra a humanidade”. 




Todos os créditos desta notícia pertecem a Gospel Prime.

Por: Redacao

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

gangue-no-haiti-abre-fogo-contra-igreja,-deixando-20-mortos

Gospel Prime

Gangue no Haiti abre fogo contra igreja, deixando 20 mortos

No sábado, um protesto organizado por um líder de uma igreja cristã resultou em pelo menos sete mortes no Haiti. O protesto ocorreu em uma região suburbana ao norte da capital, Porto Príncipe, controlada por uma gangue. A gangue abriu fogo com metralhadoras contra os manifestantes.  Pelo menos 10 mortes foram relatadas. O diretor do grupo local de direitos CARDH, Gedeon Jean, disse que o número final provavelmente será maior. Ele […]

today30 de agosto de 2023 4

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%