G1 Mundo

Dois militares de elite dos EUA caem no mar e somem ao invadir barco que levava ogivas e mísseis para abastecer Houthis

today19 de janeiro de 2024 3

Fundo
share close

A operação ocorria perto da costa da Somália. Nesta quarta-feira (17), navios da Marinha e aeronaves ainda faziam busca pelos dois militares.

Os dois militares desaparecidos são da tropa de elite conhecida como SEALs, membros da Marinha que fazem operações em pequenas equipes. A captura e morte de Osama Bin Laden, por exemplo, foram executadas por uma equipe de SEALs.

Imagem de um militar do grupo SEALs da Marinha dos EUA — Foto: Reprodução/@navy.seal.swcc



A missão começou após os EUA identificarem um barco veleiro típico da região do Mar Vermelho, chamado de dhow, que poderia estar levando armas do Irã para os militantes houthis, do Iêmen.

Há semanas, os houthis estão atacando cargueiros na região vindos do Ocidente e de Israel em retaliação aos ataques israelenses na Faixa de Gaza.

A missão dos militares de elite era abordar e tomar a embarcação. O dhow, o barco a velas, não tinha bandeira, e os componentes de mísseis provavelmente seriam transferidos para alguma outra embarcação perto da costa da Somália.

Segundo a Marinha dos EUA, esse barco já foi usado antes para transportar armas do Irã.

A operação das forças americanas aconteceu no Mar Arábico e contava com:

  • Um navio base (USS Lewis B Puller),
  • Helicópteros e
  • Drones

De acordo um comunicado do Exército dos EUA, dois militares executaram uma manobra complexa para abordar o barco a vela.

O mar estava agitado, e um soldado, ao tentar abordar a embarcação, foi atingido por uma onda e caiu na água. Um outro militar pulou para ajudar o primeiro. Os dois estão sumiram nesse momento e não foram mais encontrados.

Autoridades dos EUA afirmam que as águas do Golfo de Aden são quentes e que esses militares de elite são treinados para esse tipo de situação.

Na segunda-feira, os EUA usaram barcos da Marinha, helicópteros e drones para tentar achar os dois.

O general Michael Erik Kurilla, um comandante do exército dos EUA, afirmou que os americanos estão fazendo buscas exaustivas para tentar encontrar os dois militares nas águas do Mar Arábico.

Tripulação que levava os componentes de mísseis

Catorze pessoas tripulavam o barco a vela que levava componentes de mísseis. Como elas não tinham nenhum tipo de documento, os militares dos EUA puderam fazer uma busca na embarcação. Os americanos apreenderam os seguintes materiais:

  • Propulsores,
  • Sistema de orientação
  • Ogivas

Essas peças apreendidas são para mísseis de alcance médio ou mísseis para atacar navios. Também havia componentes de sistema de defesa aérea.

Segundo o Exército dos EUA, as primeiras análises apontam que essas são as mesmas armas que os Houthis estão usando para atacar cargueiros no Mar Vermelho.

A Marinha dos EUA faz missões de interdição com alguma regularidade na região, e já interceptou armas em navios que eram levadas aos Houthis, grupo de combatentes no Iêmen que são apoiados pelo Irã.

EUA e Houthis em confrontos no Mar Vermelho

EUA abortam ataque do grupo Houthis no Mar Vermelho

EUA abortam ataque do grupo Houthis no Mar Vermelho

Os Houthis começaram a atacar cargueiros no Mar Vermelho, uma rota comercial importante que liga a Ásia à Europa.

Os militantes atingiram um cargueiro americano na segunda-feira e tentaram atingir um barco de guerra no domingo.

As forças americanas responderam com ataques em território do Iêmen.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

proximo-passo-das-eleicoes-nos-eua:-previas-no-estado-de-new-hampshire

G1 Mundo

Próximo passo das eleições nos EUA: prévias no estado de New Hampshire

No Partido Republicano, três candidatos estão no páreo: Donald Trump, Ron DeSantis e Nikki Haley. Donald Trump, Nikki Haley e Ron DeSantis — Foto: Reuters O vencedor das primeiras prévias, no estado de Iowa, foi Donald Trump, que ficou em primeiro com mais de 30% à frente do segundo colocado. Dois candidatos deixaram a corrida após a divulgação do resultado. Espera-se que a votação em New Hampshire seja mais concorrida. […]

today19 de janeiro de 2024 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%