G1 Mundo

Em reunião do G20, Lula diz esperar que trégua em Gaza possa ser ‘caminho’ para o fim do conflito

today22 de novembro de 2023 7

Fundo
share close

Lula participou de uma reunião virtual com chefes de Estado e de governo dos países do G20. O grupo, que reúne representantes de 19 países e da União Europeia – nações representam cerca de 80% da economia global –, será presidido pelo Brasil a partir de dezembro.

“Espero que esse acordo possa pavimentar o caminho para uma saída política e duradoura para este conflito e para a retomada do processo de paz entre Israel e Palestina”, afirmou Lula.

O discurso do presidente não foi transmitido ao vivo pelos canais do governo brasileiro. A assessoria de Lula divulgou uma transcrição da fala durante a reunião por vídeo.



Lula afirmou que o G20 tem um ‘papel central a cumprir’ na tarefa de “recolocar o mundo no caminho da paz e da prosperidade”.

Durante a reunião desta quarta, no encerramento do mandato da Índia à frente do G20, Lula informou que presidência do Brasil terá como principal eixo a redução de desigualdades, dividida em três pontos:

  • inclusão social e combate à fome à pobreza;
  • transição energética e desenvolvimento sustentável;
  • reforma da governança global.

Lula também afirmou que o lema da presidência brasileira será “Construindo um Mundo Justo e um Planeta Sustentável”

O presidente informou que serão criadas duas forças-tarefas: uma contra a fome e a desigualdade, e outra contra a mudança climática, além de uma ação voltada à bioeconomia.

Lula deseja que o G20 tenha propostas para preservação do meio ambiente e redução das desigualdades até a COP 30, que será realizada no Brasil em 2025.

“Isso só será possível abordando seriamente o endividamento, o acesso a financiamento e mecanismos progressivos de tributação”, afirmou.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

acordo-entre-israel-e-hamas-preve-mais-refens-libertados

G1 Mundo

Acordo entre Israel e Hamas prevê mais reféns libertados

Uma das cláusulas divulgadas pelo governo israelense estabelece que “a libertação de cada dez reféns adicionais resultará num dia adicional de pausa”. Deixa em aberto, portanto, o tempo que duraria a suspensão das operações no território palestino. Esta possibilidade acalma, em parte, as famílias dos sequestrados, que pressionam intensamente o governo pela libertação de todo o grupo de 240 retidos em Gaza. Como bem resumiu o colunista David Ignatius, do […]

today22 de novembro de 2023 5

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%