G1 Mundo

Em um dos seus últimos vídeos, O.J. Simpson negou rumores de que estivesse em clínica de cuidados paliativos

today12 de abril de 2024 9

Fundo
share close

“Cuidados paliativos? Não, eu não estou em nenhuma clínica de cuidados paliativos. Não sei quem espalhou isso por aí, mas quem quer que tenha sido, eu acho que é como o Donald [Trump] diz, não dá para confiar na mídia. De qualquer forma, vou receber um monte de amigos aqui em Las Vegas para o Super Bowl. Está tudo certo”, disse O.J. Simpson em vídeo postado em suas redes sociais em 9 de fevereiro.

Em fevereiro de 2024, notícias circulavam na imprensa dos EUA de que ele estava com câncer e que estaria em uma clínica de habilitação. Apesar de negar sobre a clínica, Simpson não desmentiu que estava com a doença. No comunicado desta quinta, sua família disse que o ex-jogador “sucumbiu em sua batalha contra o câncer”.

O.J. Simpson postava vídeos na rede social X (antigo Twitter) comentando sobre futebol americano e outros assuntos desde 2019.



No último deles, em 11 de fevereiro, ele comentou sua previsão para o Super Bowl, a final da liga nacional de futebol americano, e agradeceu as mensagens de apoio dos fãs:

“Gostaria de agradecer a todas as pessoas que me mandaram mensagens. Minha saúde está boa. Obviamente estou lidando com alguns problemas, mas acho que estou quase superando isso”, afirmou Simpson.

O ex-jogador de futebol americano O.J. Simpson morreu na quarta-feira (10) aos 76 anos em decorrência de um câncer, informou sua família nas redes sociais nesta quinta.

A vida pública de Orenthal James Simpson começou como “running back” no futebol americano universitário. Ele ganhou o Troféu Heisman de melhor jogador do país e, depois, construiu uma carreira na NFL, a principal liga do esporte.

Morre O.J. Simpson, ex-jogador de futebol americano absolvido da acusação de matar a ex-mulher

Morre O.J. Simpson, ex-jogador de futebol americano absolvido da acusação de matar a ex-mulher

Após o fim da carreira como atleta, ele se tornou ator e emplacou diversos sucessos de bilheteria com filmes, especialmente da trilogia “Corra que a Polícia Vem Aí”, estrelada por Leslie Nielsen. Ele também estrelou diversos comerciais de TV.

Em 1994, sua ex-mulher, Nicole Brown Simpson, e um amigo dela, Ron Goldman, foram encontrados mortos a facadas na casa dela, em Los Angeles. O.J. Simpson era o principal suspeito, e foi preso após uma perseguição em um Ford Bronco, em baixa velocidade, por estradas do Sul da Califórnia.

A perseguição policial que se prolongou por quase 100 km foi transmitido para 95 milhões de pessoas pela TV americana.

Ford Bronco branco (dir.) usado na fuga de O.J. Simpson em 1994 — Foto: Mike Nelson/AFP/Arquivo

O julgamento de Simpson por duplo homicídio atraiu um enorme interesse público e foi acompanhado de perto pela imprensa da época.

Simpson foi absolvido dessa acusação em 1995 por um júri de Los Angeles, em um caso denunciado por muitos como um circo midiático que ficou conhecido como o “Julgamento do Século”, estrelado por advogados famosos.

O.J. Simpson tenta colocar luvas manchadas de sangue encontradas na cena do crime, a pedido da promotoria, durante o julgamento — Foto: Sam Mircovich/Arquivo/Reuters

Houve uma reviravolta no caso: um par de luvas encontradas na cena do crime que foram apresentadas como aquelas que o assassino havia usado não coube em suas mãos.

O veredicto foi recebido com descrença por muitos americanos, e a opinião sobre a culpa do atleta foi fortemente dividida em termos raciais.

O.J. Simpson em 1978, ao ser anunciado pelo San Francisco 49ers — Foto: Sal Veder/AP

A polícia nunca chegou a apontar outro suspeito dos assassinados de Brown e Goldman, e os homicídios nunca foram resolvidos oficialmente.

Simpson foi absolvido criminalmente, mas um processo na Justiça cível foi aberto em 1997 e, nesse caso, ele foi condenado a pagar US$ 33,5 milhões em danos à família de Ron Goldman.

Esse foi só o início de sua derrocada como figura pública. Em 2007, ele foi preso em Las Vegas por assalto a mão armada, após roubar itens esportivos de um hotel. Questionado pela polícia, ele disse que as peças haviam sido “roubadas” dele.

  • Veja abaixo imagens de quando Simpson passou do regime fechado para o regime aberto.

Veja momento em que O.J. Simpson recebe a liberdade condicional em 2017

Veja momento em que O.J. Simpson recebe a liberdade condicional em 2017




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

justica-da-argentina-decide-que-ira-esteve-por-tras-de-atentado-terrorista-em-centro-judaico-em-1994,-o-maior-da-historia-do-pais

G1 Mundo

Justiça da Argentina decide que Irã esteve por trás de atentado terrorista em centro judaico em 1994, o maior da história do país

O grupo libanês Hezbollah, que é aliado dos iranianos, foi o responsável pela execução do atentado, segundo a decisão. “O atentado de 1994 em Buenos Aires foi organizado, planejado, financiado e executado sob a direção das autoridades do Estado Islâmico do Irã, no contexto da Jihad Islâmica, e com o envolvimento da organização política e militar Hezbollah”, afirmaram na sentença os juízes da Câmara Federal de Cassação, a instância máxima […]

today12 de abril de 2024 11

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%