G1 Mundo

Enfermeira estuprada e torturada por colegas de trabalho no Peru morre após duas semanas hospitalizada

today13 de abril de 2023 27

Fundo
share close

Uma enfermeira peruana, internada há duas semanas após ter sido estuprada e torturada por dois colegas de trabalho, morreu nesta quarta-feira (12), anunciou a instituição, em um novo caso de feminicídio que chocou o país.

“A Rede Beneficente Rebagliati, com muito pesar, comunica o sensível falecimento de nossa trabalhadora, vítima de agressão sexual e violência física”, informou a Segurança Social, órgão sanitário do governo para o qual ela trabalhava, em comunicado divulgado em sua conta no Twitter.

A enfermeira de 32 anos e mãe de três filhos foi levada de Puno (sudeste) às pressas para um hospital de Lima devido à gravidade de seu estado.



A agressão sexual ocorreu no dia 31 de março na cidade de Ayaviri, na região de Puno, durante uma reunião social na casa da enfermeira com a presença de outros dois profissionais de saúde. Ambos estão detidos pelo suposto crime de estupro e ferimentos graves.

“Exigimos justiça, este crime não pode ficar impune”, disse um familiar da vítima à rádio RPP.

O Ministério da Mulher instou o sistema judicial “a punir feminicídios e estupradores sem demora e com todo o peso da lei”.

Segundo a polícia, a enfermeira foi cruelmente esfaqueada e espancada para ser estuprada sadicamente. Os ferimentos levaram à amputação de uma perna na tentativa de salvar sua vida.

A morte por feminicídio ocorre no mesmo dia em que o governo peruano anunciou a captura na Colômbia de um venezuelano acusado de queimar viva a ex-companheira, uma jovem de 18 anos, em uma praça central de Lima, há cerca de duas semanas.

O Peru registrou 136 feminicídios em 2022, contra 146 em 2021 e 138 em 2020, segundo dados oficiais.

Violência contra mulher: como pedir ajuda

Violência contra mulher: como pedir ajuda

VÍDEOS: mais assistidos do g1




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

na-china,-lula-participa-da-posse-de-dilma-como-presidente-do-banco-dos-brics

G1 Mundo

Na China, Lula participa da posse de Dilma como presidente do banco dos Brics

Transmitido ao vivo em 12/04/2023 21h01 MAIS DO G1 🎧 PodcastHá 3 horas O Assunto De olho no orçamentoSecretário do Tesouro diz que empresas fazem triangulação com paraísos fiscais para recolher menos IR.Há 50 minutos De olho no orçamento Templos e jardins milenares ocupam um lado da cidade. Do outro, estão alguns dos prédios mais altos do mundo.Há 4 horas Turismo e Viagem Vai virar guerra?Pequim quer "reunificação" entre o […]

today13 de abril de 2023 13

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%