G1 Mundo

EUA anunciam doação de R$ 770 mil para Rio Grande do Sul

today15 de maio de 2024 8

Fundo
share close

Segundo nota da embaixada dos EUA em Brasília, o presidente Joe Biden afirmou que o governo dele está em contato com parceiros brasileiros e que tentam dar assistência “em coordenação com as autoridades locais”.

O dinheiro será dividido da seguinte forma:

  • Um terço (US$ 50 mil) será destinado à compra de 1.300 kits de produtos de higiene, 850 kits de materiais de limpeza e 80 itens de primeiros socorros, além de geradores de energia e purificadores de água. Os municípios contemplados são Estrela, Encantado, Lajeado, Muçum e Roca Sales. A ONG World Vision vai coordenar essa verba.
  • O resto (US$ 100 mil) vai para pacotes de cloração de água e treinamento para 82 abrigos de emergência. O apoio vai também incluir produtos de higiene para mais de 3.200 pessoas e serviços de apoio à saúde mental e psicossocial para quase 5.000 pessoas em abrigos de 13 municípios afetados pelas enchentes no estado.



A embaixadora Elizabeth Frawley Bagley disse que o financiamento “vai aliviar o sofrimento causado pelas enchentes no Rio Grande do Sul”.

Dinheiro do Banco dos Brics+

A ex-presidente Dilma Rousseff afirmou nesta terça-feira (14) que o Novo Banco de Desenvolvimento (NDB, ou Banco do Brics+), presidido por ela, vai ajudar, com R$ 5,75 bilhões, no financiamento de obras de reconstrução do Rio Grande do Sul.

A ex-presidente do Brasil afirmou que os créditos devem ser transferidos de forma direta para o estado gaúcho e, também, por meio de parcerias com outras instituições financeiras, como o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), o Banco do Brasil e o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE).

Metade dos R$ 5,7 bilhões vai ser transferida para o BNDES para financiar pequenas e médias empresas e para obras de proteção ambiental, infraestrutura, água e tratamento de esgoto, e prevenção de desastres.

Também há previsão de recursos para infraestrutura agrícola, mobilidade urbana e saneamento básico

O nível do Guaíba bateu 5,20 metros na manhã desta terça-feira (14) e voltou a avançar sobre ruas em Porto Alegre. No total, já ha mais de 14 mil pessoas em abrigos na cidade.

O último balanço de mortos é da manhã desta terça-feira e aponta que 148 pessoas morreram em decorrência das enchentes. O boletim da Defesa Civil ainda contabiliza 124 desaparecidos e 806 feridos.

Vista aérea da Orla do Rio Guaiba, em Porto Alegre (RS), completamente coberta de água após o transbordamento do rio, neste sábado, 4 de maio de 2024. — Foto: MAX PEIXOTO/DIA ESPORTIVO/ESTADÃO CONTEÚDO




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

mp-recomenda-implementacao-de-unidade-de-suporte-avancado-do-samu-apos-‘falha’-em-atendimento-a-crianca-em-cidade-do-interior-de-sp

G1 Santos

MP recomenda implementação de unidade de suporte avançado do Samu após ‘falha’ em atendimento a criança em cidade do interior de SP

O Ministério Público de São Paulo (MPSP) recomendou que a Prefeitura de Registro, no interior de São Paulo, providencie equipamentos, profissionais aptos e insumos para o funcionamento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) na cidade. Segundo apurado pelo g1, a promotoria deu um prazo de 60 dias para as providências, sob pena de propor ação civil pública. De acordo com o órgão estadual, o promotor de Justiça de […]

today14 de maio de 2024 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%