G1 Mundo

EUA em suspense diante de possível indiciamento e detenção de Donald Trump

today21 de março de 2023 14

Fundo
share close

Em lolcalidades como Nova York, Atlanta e Palm Beach, na Flórida, as autoridades estão fazendo seu planejamento para responder a manifestações depois que Trump convocou protestos no fim de semana para se opor ao que ele mesmo chamou de sua prisão iminente.

A imprensa americana aponta que os promotores de Manhattan estão avaliando acusar Trump de falsificação de registros comerciais relacionada a um pagamento clandestino que seu advogado fez à atriz pornô Stormy Daniels em 2016 para que ela não falasse a respeito de um suposto caso extraconjugal que mantinham (leia mais abaixo).

Manifestantes anti-Trump diante de promotoria em Manhattan nesta terça-feira (21) — Foto: Andrew Kelly/Reuters



A Justiça de Nova York tenta esclarecer se Trump é culpado de falso testemunho, uma infração, ou de violar a lei sobre financiamento eleitoral, um delito penal.

Com isso, Trump se tornaria o primeiro ex-presidente acusado de um crime. Ele nega qualquer irregularidade e atacou a investigação dizendo que é politicamente motivada.

Um grande júri está examinando a questão, mas nenhuma decisão foi anunciada e ainda não se sabe quando ou se esse comitê irá indiciar Trump.

Apenas alguns poucos simpatizantes do ex-presidente se manifestaram nesta segunda diante do tribunal de Manhattan, onde um grande júri analisa a investigação realizada pelo promotor distrital Alvin Bragg.

Trump afirmou no sábado, por meio de sua rede social Truth Social, que seria “detido” na terça-feira, o que representaria um golpe em sua pré-campanha para tentar uma nova candidatura à Presidência americana em 2024.

“Estamos operando com vazamentos, estamos operando com informação limitada, mas está claro que eles veem o presidente Donald Trump como uma ameaça”, disse Gavin Wax, presidente da juventude republicana de Nova York, que convocou o protesto.

Diante do tribunal, também protestaram detratores do ex-presidente republicano, como Bob Fertek, um nova-iorquino que considera Trump uma “fraude” e que gostaria de vê-lo no banco dos réus.

Trump participa de evento no resort de Mar-a-Lago — Foto: Reuters/Jeffery S. Kotwica

O bilionário que acabou com o equilíbrio entre os poderes nos EUA, voltou, nesta segunda, a atacar, por meio da Truth Social, a atuação do promotor Bragg, que tachou de “corrupta”. O magistrado negro e democrata foi eleito pela população.

Para Trump, o caso investigado prescreve em dois anos. “E o mais importante, NÃO FOI CRIME!”, escreveu ele hoje na Truth Social.

Alina Habba, uma advogada do ex-presidente, alertou no domingo na emissora CNN que, “se [os democratas] decidirem culpá-lo por uma infração que, na verdade, ele não cometeu, vão criar um caos”.

As autoridades locais temem uma repetição do caos do ataque ao Capitólio, sede do Congresso em Washington, em 6 de janeiro de 2021, quando Trump incitou seus apoiadores a ignorar os resultados das urnas, que deram a vitória ao democrata Joe Biden, e a impedir sua posse.

Nas redes sociais, os trumpistas prometem impedir o indiciamento de seu herói, em especial o grupo “The Donald”, que pede uma “greve nacional” ou até mesmo uma “guerra civil 2.0”, de acordo com os meios Rolling Stone e Daily Beast.

Stormy Daniels durante uma cerimônia em sua homenagem em West Hollywood, na Califórnia, em 23 de maio — Foto: Reuters/Mike Blake/File Photo

O caso da atriz pornô Stormy Daniels é juridicamente complexo. Stephanie Clifford, o verdadeiro nome de Daniels, recebeu US$ 130 mil de Trump semanas antes das eleições de 2016. A promotoria garante que a intenção do magnata era comprar o silêncio da atriz sobre uma suposta relação extraconjugal.

Na semana passada, a investigação se acelerou. Michael Cohen, ex-advogado e agora arqui-inimigo do republicano, responsável por entregar o dinheiro a Daniels, prestou depoimento perante um grande júri, cujo veredicto pode levar a uma acusação. Daniels, por sua vez, está cooperando com os promotores.

Trump também foi convidado a testemunhar para esse grande júri. Segundo um de seus advogados, o magnata está pensando em fazê-lo.

“Os promotores quase nunca convidam o alvo da investigação a depor ante o grande júri a menos que tenham a intenção de acusá-lo”, explicou à AFP o ex-promotor e professor de direito Bennett Gershman.

De acordo com seu colega Renato Mariotti, é provável que, no caso de um indiciamento, Trump, que vive em sua mansão de Mar-a-Lago, em Palm Beach, Flórida, compareça voluntariamente ao tribunal de Manhattan.

No domingo, vários nomes importantes do Partido Republicano manifestaram apoio a Trump, em particular seu ex-vice-presidente, Mike Pence, que rompeu com o magnata em 2021 e com quem poderia competir nas primárias pela indicação da legenda às eleições de 2024.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

lula-envia-ao-senado-indicacoes-de-embaixadores-para-eua,-franca,-argentina-e-reino-unido;-veja-lista

G1 Mundo

Lula envia ao Senado indicações de embaixadores para EUA, França, Argentina e Reino Unido; veja lista

Maria Luiza Ribeiro Viotti, embaixadora nos EUA;Antonio Patriota, embaixador no Reino Unido e Irlanda do Norte;Julio Glinternick Bitelli embaixador na Argentina;Ricardo Neiva Tavares, embaixador na França e no Principado de Mônaco;Paulino Franco de Carvalho Neto, embaixador no Egito e na EritreiaSérgio França Danese, representante permanente na ONU;Everton Vieira Vargas, embaixador na Santa Sé. As mensagens com as indicações foram publicadas na edição desta terça-feira (21) Diário Oficial da União. Os […]

today21 de março de 2023 9

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%