G1 Mundo

EUA prende quatro homens suspeitos de terem participado de assassinato de presidente do Haiti em 2021

today1 de fevereiro de 2023 12

Fundo
share close

Moise foi assassinado na residência presidencial do Haiti em julho de 2021. Desde sua morte, o Haiti teve dificuldades para se organizar politicamente, e, na prática, grupos criminosos passaram a atuar como a autoridade de regiões do país.

Nos meses seguintes ao assassinato, a polícia dos EUA chegou a prender três suspeitos importantes. Portanto, agora, sete indivíduos estão agora presos nos EUA por terem tido alguma participação no assassinato.

Os quatro homens acusados ​​na terça-feira vão ser processados na Flórida. Eles foram detidos no Haiti, disse o Departamento de Justiça dos EUA em um comunicado.



Uma pessoa segura foto do presidente assassinado do Haiti Jovenel Moise durante seu funeral em Cap-Haitien em 23 de julho — Foto: REUTERS/Ricardo Arduengo

Os acusados ​​desta terça-feira incluem dois cidadãos haitiano-americanos (James Solages e Joseph Vincent), e um colombiano alemão Alejandro Rivera Garcia.

Os três homens foram acusados ​​de conspirar para cometer assassinato ou sequestro fora dos EUA e podem pegar prisão perpétua se forem condenados.

Um quarto homem, o cidadão haitiano-americano Christian Sanon, foi acusado de conspirar para contrabandear mercadorias dos EUA e fazer com que as informações de exportação não fossem arquivadas, disse o departamento. Ele pode ser preso por até 20 anos.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

um-dia-apos-‘tombo’,-indiano-volta-ao-grupo-dos-10-mais-ricos-do-mundo

G1 Mundo

Um dia após ‘tombo’, indiano volta ao grupo dos 10 mais ricos do mundo

Foi apenas um dia fora da lista dos dez mais ricos do mundo. Gautam Adani, homem mais rico da Ásia e quem mais enriqueceu em 2022, caiu para 11º lugar no ranking de bilionários da Bloomberg na segunda-feira – e recuperou uma posição nesta terça (31). A "escalada" de Adani, no entanto, se deve menos aos próprios ganhos (US$ 99,6 milhões em relação à véspera) e mais à perda do […]

today1 de fevereiro de 2023 11

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%