G1 Mundo

EUA vão sancionar colonos judeus que agredirem palestinos na Cisjordânia

today1 de fevereiro de 2024 4

Fundo
share close

O presidente Joe Biden, dos Estados Unidos, deu uma ordem executiva nesta quinta-feira (1º) para punir colonos judeus que atacarem palestinos na Cisjordânia, um território palestino que tem sido invadido há anos.

A ordem executiva cria um sistema para impor sanções financeiras e restrições de vistos contra pessoas que atacarem ou intimidarem palestinos ou tomarem propriedades dos moradores do local, de acordo com dirigentes de governo dos EUA.

Em dezembro, os EUA já tinham anunciado que iriam limitar os vistos de colonos judeus que vivem em assentamentos ilegais na Cisjordânia.



Tanto a Cisjordânia como a Faixa de Gaza são territórios palestinos, mas as duas regiões são governadas por grupos distintos e adversários de palestinos: a Cisjordânia é governada pela Autoridade Palestina, e a Faixa de Gaza, pelo Hamas.

Apesar de serem regiões distintas governadas por grupos diferentes e adversários, a violência na Cisjordânia aumentou desde que começou a guerra entre o grupo terrorista Hamas e Israel, em 7 de outubro de 2023. Pelas estimativas da ONU, os ataques de colonos contra palestinos mais do que dobraram desde quando o Hamas atacou Israel.

Punições aos colonos que agredirem palestinos

As pessoas que forem punidas pela ordem executiva de Biden podem sofrer as seguintes penas:

  • Não vão conseguir mexer em seus bens que estiverem registrados nos EUA.
  • Não vão conseguir fazer nenhum tipo de negócio com americanos.

Já há uma lista de quatro pessoas que serão punidas.

O governo americano vinha pedindo sistematicamente a Israel para controlar os colonos judeus na Cisjordânia. Biden falou sobre o tema com o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu.

O ministro de Finanças de Israel, Bezalel Smotrich, é líder de um grupo de extrema-direita favorável às invasões do território palestino da Cisjordânia. Ele afirmou que existe uma campanha antissemita e mentirosa que os inimigos de Israel disseminam com o objetivo de manchar a reputação dos colonos pioneiros e todo o Estado de Israel.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

estados-unidos-tem-cerca-de-30-mil-tropas-americanas-no-oriente-medio;-entenda-onde-estao-e-o-que-fazem-la

G1 Mundo

Estados Unidos têm cerca de 30 mil tropas americanas no Oriente Médio; entenda onde estão e o que fazem lá

Desde o início da guerra entre Israel e Hamas, os EUA voltaram a enviar tropas ao Oriente Médio, além de navios militares. Há temor de que a redução das tropas americanas no Afeganistão abra espaço para que grupos radicais se expandam — Foto: Getty Images/BBC O número de tropas norte-americanas no Oriente Médio foi significativamente reduzido em 2021, após uma retirada de soldados no Afeganistão. Neste texto você vai ver: […]

today1 de fevereiro de 2024 5

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%