G1 Mundo

Ex-agente do FBI é detido nos EUA por vínculos com oligarca russo

today24 de janeiro de 2023 12

Fundo
share close

Um ex-agente do FBI foi acusado, nesta segunda-feira (23), de violar as sanções americanas contra a Rússia ao trabalhar para um magnata russo, informou o Departamento de Justiça.

Charles McGonigal, de 54 anos, dirigiu a unidade de contrainteligência do FBI (polícia federal americana) em Nova York até se aposentar em 2018.

Ele foi detido em Nova York neste fim de semana e está sendo processado em dois casos distintos.



A Justiça federal de Nova York o acusa de ter trabalhado para o magnata russo Oleg Deripaska, fundador da empresa de alumínio Rusal. Deripaska é alvo de sanções desde 2018. As sanções o proíbem de ter qualquer relação comercial com americanos devido a seus vínculos com o governo russo.

Enquanto estava no FBI, McGonigal investigava justamente oligarcas russos. Suspeita-se que, em 2019, ele tentou, em vão, fazer lobby para que as sanções contra Deripaska fossem canceladas. Em 2021, ele investigou um dos rivais de Deripaska.

Segundo a acusação, o ex-agente recebia pagamentos por meio de empresas de fachada e fazia negócios com um intermediário.

Ele é acusado de ter violado sanções contra a Rússia e de lavagem de dinheiro. Caso seja condenado, estará sujeito a uma pena de até 20 anos de prisão.

McGonigal comparecerá perante um juiz na segunda-feira junto com um suposto cúmplice, um ex-diplomata russo que se naturalizou americano e tornou-se tradutor juramentado do sistema judicial.

Além disso, McGonigal é acusado pelo tribunal federal de Washington de ter ocultado pagamentos relacionados com suas atividades no Leste Europeu, enquanto ainda trabalhava para o FBI.

Segundo a promotoria, ele cobrou US$ 225 mil em dinheiro vivo de um ex-agente do serviço secreto albanês, naturalizado americano, a quem acompanhou em viagens de negócios à Albânia e Kosovo. Também ocultou que estava em contato com o primeiro-ministro do Kosovo, violando assim suas obrigações.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

vice-presidente-de-comissao-quer-que-uniao-europeia-contribua-para-fundo-amazonia-ainda-neste-ano

G1 Mundo

Vice-presidente de comissão quer que União Europeia contribua para Fundo Amazônia ainda neste ano

"O que podemos falar hoje é que vamos contribuir para o fundo. O que não posso dizer hoje é com quanto, ainda temos que definir isso na União Europeia, mas com certeza vai contribuir, porque acreditamos que essa é a maneira mais rápida de mostrar resultados concretos", afirmou Timmermans em entrevista à TV Globo. "Eu espero que [a contribuição] seja antes da próxima COP em Dubai para que sejamos claros […]

today24 de janeiro de 2023 11

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%