G1 Santos

Exportadora de carne é condenada a pagar indenização de R$ 1,3 milhão por transportar 30 mil gados em situação degradante

today20 de junho de 2023 11

Fundo
share close

A Ação Civil Pública ajuizada pelo Ministério Público do Estado de São Paulo (MP-SP) diz que os animais foram submetidos a situação degradante, extenuante e cruel durante o transporte. Segundo o documento, eles foram acondicionados em espaço muito confinado, sem ventilação, durante muitas horas e sem higiene adequada.

Segundo a decisão do juiz Frederico dos Santos Messias do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP), embora o transporte dos animais não tenha sido efetivamente realizado pela empresa ré, ela foi responsável pela contratação da transportadora.

“Nesse contexto, a requerida era responsável pela fiscalização das condições do transporte, não lhe sendo lícito valer-se de sua ‘cegueira deliberada’. Além disso, é certo que o transporte adequado dos animais, com mais caminhões e melhores condições, implicaria a elevação dos custos”, destacou.



Segundo o juiz, a empresa foi financeiramente beneficiada pelas condições precárias do serviço prestado pela transportadora. “A ré, ao escolher mal o prestador de serviço, contribuiu para o sofrimento dos animais transportados, devendo responder pelo dano ambiental decorrente desse fato”.

A situação, de acordo com o documento, deixou os animais debilitados, além de terem sido obrigados a viajar sobre os próprios dejetos, sem hidratação e alimentação adequada.

“Somente um valor de indenização em patamar elevado será capaz de conduzir a empresa, para além de sua precificação de perdas, a repensar suas práticas empresariais. No estágio atual do mundo empresarial, a ‘Pedagogia do Bolso’ é a única eficaz”, destacou o juiz.

A indenização será destinada ao Fundo de Defesa dos Interesses Difusos do Estado de São Paulo, sendo que a ré arcará, ainda, com as despesas do processo e honorários advocatícios em 15% do valor da condenação.

Em nota, a Minerva Foods afirmou que não comenta casos jurídicos em andamento e que as práticas de exportação de gado vivo na empresa sempre respeitaram a legislação vigente para essa atividade, tanto no Brasil quanto nos países importadores, em relação aos procedimentos técnicos, sanitários e operacionais, incluindo o transporte seguro dos animais.

A empresa enfatizou que as regras legais sempre foram cumpridas e que adotam os mais rigorosos critérios em relação ao manejo dos animais nas atividades, privilegiando sempre o bem-estar animal.

Além disso, realizam treinamentos constantes com profissionais atuantes em todas as etapas da cadeia de exportação de gado vivo, encontros com os pecuaristas para compartilhar conhecimento, trocar experiências, novas tecnologias e principalmente melhores práticas no manejo.

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

cameras-mostram-fuga-e-perseguicao-de-cliente-que-matou-seguranca-de-balada-no-litoral-de-sp;-video

G1 Santos

Câmeras mostram fuga e perseguição de cliente que matou segurança de balada no litoral de SP; VÍDEO

Imagens de câmeras de monitoramento da Prefeitura de Itanhaém, no litoral de São Paulo, mostram o momento em que Leony Lors Defeu, de 28 anos, foge após matar a tiros o segurança de uma balada no Centro da Cidade. Nas imagens, obtidas pelo g1, o criminoso aparece acompanhado do amigo Rafael Rondi de Moraes, de 40 anos, que dirigiu o veículo da fuga. Os dois foram detidos pela Guarda Civil […]

today20 de junho de 2023 66 1

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%