Mk Music

Eyshila retorna à MK Music após 12 anos: “Hoje eu digo sim pra uma nova estação”

today4 de outubro de 2023 43

Fundo
share close

A boa filha à casa torna! Após 12 anos fora da MK Music, Eyshila retornou à sua antiga gravadora na tarde desta segunda-feira (02) com direito a uma calorosa festa de boas-vindas e live especial por onde o público pôde acompanhar tudo pelo Instagram da cantora e pastora.

Acompanha pelo seu marido, o pastor Odilon Bastos, a intérprete de sucessos como “Terremoto”, “Fiel a Mim” e Nada Pode Calar um Adorador” esteve na sede da gravadora no bairro de São Cristóvão, no Rio de Janeiro, onde assinou o contrato com a empresa.

– Não tenho palavras para expressar o que estou sentindo. Temos uma história de honra , amizade e cumplicidade. Hoje eu digo “sim” pra uma nova estação . Nesse intervalo de doze anos fora da MK Music eu amadureci, cresci, chorei lágrimas que jamais imaginei, também fui consolada, mas prossegui e cheguei até aqui. Eu não vou parar, muito menos a MK, então vamos juntos. Que o nosso amigo Espírito Santo continue derramando sobre nós a Sua preciosa inspiração para que o nome de Jesus seja exaltado entre as nações – declarou a cantora.

Envolvida com a música desde os cinco anos de idade, Eyshila estreou oficialmente na carreira musical aos 15 anos de idade como uma das vocalistas do grupo Altos Louvores, onde ficou por sete anos. Em 1995, ela lançou, de forma independente, o seu primeiro álbum “Glorificando”. Dois anos depois, ela assinou com a MK Music por onde lançou dez álbuns – “Tira-me do Vale” (1997), “Mais Doce que o Mel” (1999), “Deus Proverá” (2001), “Na Casa de Deus” (2003), “Terremoto” (2005), “Collection – Ao Vivo 10 Anos” (2006), “Até Tocar o Céu” (2007), “Hasta Tocar el Cielo” (2008), “Nada Pode Calar Um Adorador” (2009) e “Sonhos Não Têm Fim” (2011).



Ainda na gravadora, ela lançou três DVDS, dois volumes do projeto “Amigas”, ao lado de Fernanda Brum, e integrou o grupo Voices. Até que, em 2012, ela assinou com a Central Gospel Music por onde lançou os álbuns “Jesus, o Brasil Te Adora” (2012), “Deus no Controle” (2014), “O Milagre Sou Eu” (2016) e “Vai Amanhecer” (2018).

Em agosto de 2019, Eyshila assinou contrato com a Sony Music e, três meses depois, saiu seu primeiro single – “Eu Ainda Vou Sonhar”, que foi produzido por Johnny Essi e tem mais de 1 milhão de plays só no Spotify. A canção fez parte do EP “Tudo Volta Ao Seu Lugar”, que chegou às plataformas em dezembro de 2020 e trouxe as participações de Fernandinho, Isadora Pompeo (na regravação do sucesso “Nada Pode Calar um Adorador”), Nívea Soares, Weslei Santos e Damares.

Na sequência ainda vieram os projetos “Gratidão”, que trouxe canções interpretadas pela artista em uma live transmitida durante a pandemia da Covid-19 e contou com várias participações especiais, como Ludmila Ferber, Weslei Santos, Danielle Cristina, Liz Lanne, Cassiane, Paulo Cesar Baruk, Rebeca Nemer e Fernanda Brum. Seu último trabalho pela Sony foi o álbum “Quero Aprender a Orar”, gravado ao vivo com participação dos grupos Palavra Tocada e ONE Service e dos cantores Weslei Santos e Gabriel Guedes.

Ainda na Sony, Eyshila se reinventou no digital, se tornando mais ativa nas redes sociais e até mesmo fazendo collabs com artistas fora da sua bolha como forma de atingir novos públicos. Além dos já citados, ainda estão Duo Franco, Ministério Mergulhar, Lito Atalaia, Aline Barros e DJ Roger Vale.

Agora, de volta à gravadora que a projetou nacionalmente, Eyshila se prepara para uma nova fase de projetos e lançamentos, incluindo um álbum comemorativo pelos seus 30 anos de carreira.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Mk Music.

Por: Alomara Andrade e Laudeli Leão

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

saiba-quem-sao-os-deputados-de-extrema-direita-que-destituiram-o-presidente-da-camara-dos-eua

G1 Mundo

Saiba quem são os deputados de extrema direita que destituíram o presidente da Câmara dos EUA

Kevin McCarthy, o presidente da Casa, é do Partido Republicano, a agremiação de direita nos EUA. Os republicanos dominam a Câmara dos Deputados, mas com uma maioria muito pequena. Considerado um republicano moderado, ele enfrentou uma rebelião de um grupo de deputados de extrema direita dentro do Partido Republicano. Oito republicanos escolheram para destituir McCarthy. Foi por causa do voto deles que o deputado perdeu o cargo de presidente. Os […]

today3 de outubro de 2023 7

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%