G1 Santos

Família de jovem morto em operação da PM diz que não houve confronto e homem ‘foi pisado’ após ser baleado

today22 de agosto de 2023 9

Fundo
share close

Segundo o boletim de ocorrência, o homem foi atingido na segunda-feira (21), após troca de tiros com os policiais no Morro Santa Maria durante a Operação Escudo. A morte de Vinícius foi a 20ª durante a ação policial em vigor desde 28 de julho, após o PM da Rota Patrick Bastos Reis ter sido assassinado durante patrulhamento na Vila Julia, um dia antes.

O rapaz baleado chegou a ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado à Santa Casa de Santos. Em nota, o hospital informou que o paciente deu entrada na unidade sem vida.

Ele foi morto na covardia, bateram nele”, disse a irmã Nathalia Lima da Silva Costa, de 24 anos. Ela contou que morava com o Vinícius e a mãe na Vila Progresso.



A Secretaria de Segurança de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP) informou que foram apreendidas uma pistola e porções de cocaína e maconha com o homem. No entanto, Nathalia garantiu que o irmão não disparou contra os agentes. “Não teve tempo para isso”, afirmou.

Segundo a irmã, o jovem estava no local no momento errado. “Os policiais o viram e fizeram o que eles queriam”, disse Nathalia. Ela foi até o endereço onde o irmão foi morto assim que soube que Vinícius tinha sido atingido, mas não encontrou o irmão e seguiu em busca pelos hospitais da cidade.

“Alegaram que tinha ido para Santa Casa, mas eu tinha ido em todos os hospitais e ele não estava. […] mentiram para a gente, o esconderam da gente e depois de duas horas mandaram ele para a Santa Casa”.

Já no hospital, Nathalia constatou que Vinícius tinha sinais de espancamento. “[Estava] com terra até dentro do nariz. Foi pisado, espancado”, disse a mulher, informando que o corpo ainda está no Instituto Médico Legal (IML) e, por isso, não há informações sobre velório e sepultamento.

PM afirma que foi alvo de disparos

A PM informou, em nota, ter ido à Vila Progresso devido o histórico do tráfico de drogas naquela região e, durante patrulhamento, diz que os agentes localizaram vários criminosos, que correram assim que notaram a presença policial.

Ainda durante a ação, os policiais encontraram uma dupla em área de mata e, segundo a PM, os dois estavam armados e com uma mochila preta com drogas. Os policiais informaram que foram alvos de disparos e revidaram as agressões, quando Vinicius foi atingido.

O g1 teve acesso a dois mandados de prisão expedidos contra Vinícius. Nathalia confirmou que o irmão se envolveu com o crime, mas não merecia a morte. “Como ninguém se entrega para polícia, ele ficou escondido no morro e os policiais já vinham passando por aqui falando que queria a vida dele e de mais pessoas”, afirmou.

Para ela, todos merecem uma nova oportunidade. “O que fizeram com meu irmão não é certo. Eles [policiais] estão rindo da gente. Passam aqui e dão risada […]. Estão rindo porque sabem que nada vai acontecer, vai ficar por isso mesmo”, lamentou.

Questionada sobre as acusações da família, a SSP-SP não retornou até a publicação desta matéria.

Homem morre após ser baleado em operação policial no Morro Santa Maria, em Santos, SP — Foto: Reprodução

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

pat-guaruja-oferta-16-vagas-de-emprego-nesta-quarta-feira

Prefeitura de Guarujá

PAT Guarujá oferta 16 vagas de emprego nesta quarta-feira

Abaixo, veja as exigências de cada chance e como concorrer a cada uma delas 10 vagas – Técnico de Enfermagem Experiência: Não exigida Escolaridade: Ensino Médio Completo  Obs: Estar com o COREN Ativo 01 vaga – Auxiliar de Serviços de Gerais (Temporário – mínimo de 45 dias) Experiência: 2 meses com comprovação em carteira  01 vaga – Repositor (PCD) Experiência: 3 meses com comprovação em carteira  Escolaridade: Ensino Fundamental Completo 01 vaga – Repositor de Laticínios […]

today22 de agosto de 2023 8

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%