G1 Mundo

Fentanil: governo americano pune empresas da China por distribuição de droga nos EUA

today4 de outubro de 2023 5

Fundo
share close

O procurador-geral Merrick Garland disse que a cadeia de fornecimento do medicamento “muitas vezes começa com empresas químicas na China”. A Embaixada da China em Washington não respondeu imediatamente a um pedido de comentários da agência de notícias Reuters.

Em abril, um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China disse que “não existia tráfico ilegal de fentanil” entre a China e o México. Isso ocorreu depois de o presidente mexicano, Andrés Manuel López Obrador, ter apelado ao governo chinês para ajudar a impedir o suposto fluxo de fentanil para o seu país.

As autoridades dos EUA culpam as gangues mexicanas de traficantes de drogas por fornecerem fentanil a usuários nos EUA.



O fentanil pode ser prescrito legalmente por médicos, mas um aumento dramático na dependência de opiáceos nos EUA nas últimas décadas levou a um crescimento na produção ilegal e em overdoses. Em 2022, a droga foi associada a um recorde de 109.680 mortes.

O Departamento do Tesouro dos EUA anunciou sanções contra o que chamou de “rede baseada na China responsável pela fabricação e distribuição” de precursores do fentanil e de uma série de outras drogas ilegais.

As autoridades dizem que as empresas da cadeia de fornecimento de fentanil costumam usar endereços falsos e rótulos incorretos para evitar que seus produtos sejam identificados pelas autoridades.

Os afetados pelas sanções incluem 12 entidades e 13 indivíduos sediados na China, bem como duas entidades e um indivíduo sediados no Canadá, informou o governo.

As sanções congelam os ativos das entidades nos EUA e impedem americanos de negociar com elas.

Merrick Garland deverá viajar ao México com outros altos funcionários para reuniões sobre como lidar com o fornecimento de drogas ilegais.

“Sabemos quem é o responsável pelo envenenamento do povo americano com fentanil”, disse Garland aos repórteres. “Sabemos que esta rede inclui os líderes dos cartéis, os seus traficantes de drogas, os seus lavadores de dinheiro, os seus operadores de laboratórios clandestinos, as suas forças de segurança, os seus fornecedores de armas e os seus fornecedores de produtos químicos”.

E sabemos que esta cadeia de abastecimento global de fentanil, que termina com a morte de americanos, muitas vezes começa com empresas químicas na China.”

O Departamento de Justiça também divulgou acusações de que oito empresas chinesas e 12 dos seus funcionários teriam cometido crimes relacionados com a produção de fentanil e metanfetamina, a distribuição de opiáceos e as vendas resultantes de precursores químicos.

Ninguém foi preso, e o governo chinês não trabalhou com as autoridades dos EUA nas investigações, disse Garland.

Como mapeamento de drogas a partir de saliva pode evitar epidemia de fentanil no Brasil

Como mapeamento de drogas a partir de saliva pode evitar epidemia de fentanil no Brasil




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

russa-que-fez-protesto-ao-vivo-na-tv-e-condenada-a-8-anos-e-meio-de-prisao

G1 Mundo

Russa que fez protesto ao vivo na TV é condenada a 8 anos e meio de prisão

A jornalista russa Marina Ovsyannikova, que protestou contra a guerra na Ucrânia ao vivo durante a exibição de um jornal na TV estatal, foi condenada a 8 anos e meio de prisão nesta quarta-feira (4). Em março de 2022, Ovsyannikova interrompeu a apresentação do noticiário com um cartaz escrito "Parem a guerra (...) Eles estão mentindo pra vocês". À época ela foi multada. Em julho do mesmo ano ela voltou […]

today4 de outubro de 2023 3

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%