G1 Mundo

Governo da Alemanha propõe legalização de cannabis para uso recreativo

today17 de agosto de 2023 6

Fundo
share close

O projeto de lei estabelece a possibilidade de cultivo de até três pés de cannabis para consumo próprio. O texto ainda precisa ser debatido e votado no Parlamento.


Fazendeiro cultiva cannabis (imagem ilustrativa) — Foto: Stringer/REUTERS/Arquivo



O governo alemão propôs um projeto de lei, nesta quarta-feira (16), com o objetivo de legalizar a maconha para uso recreativo. De acordo com o texto, que ainda precisa ser debatido e votado no Parlamento, será possível, a partir dos 18 anos, comprar e portar até 25 gramas de maconha.

O projeto de lei estabelece a possibilidade de cultivo de até três pés de cannabis para consumo próprio. E prevê a criação de associações sem fins lucrativos, chamadas de Cannabis Social Clubs, cujos membros – de no máximo 500 pessoas – poderão cultivar a planta para seu consumo, sob supervisão do poder público.

As associações terão uma atividade regulada: poderão fornecer até 25 gramas por dia, e no máximo 50 gramas por mês. Para jovens entre 18 e 21 anos, será um pouco menos: 30 gramas por mês.

Com esta lei, a Alemanha terá uma das leis mais liberais da Europa, seguindo os passos de Malta e Luxemburgo, que autorizaram o uso recreativo da cannabis em 2021 e 2023, respectivamente.

A coalizão do líder social-democrata Olaf Scholz com os Verdes e os Liberais fez desta medida um dos projetos-chave do seu mandato, embora a proposta inicial fosse muito além.

A reforma levanta críticas da oposição conservadora, de sindicatos de policiais e de médicos, que consideram que ela não acabará com o tráfico de drogas, como sugerem seus defensores.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

incendio-no-havai-e-mais-mortal-dos-eua-nos-ultimos-100-anos-e-terceiro-mais-mortal-do-seculo-21

G1 Mundo

Incêndio no Havaí é mais mortal dos EUA nos últimos 100 anos e terceiro mais mortal do século 21

As chamas atingem a ilha de Maui desde terça-feira (8) e o governo afirma que mais de mil pessoas não foram localizadas. As autoridades ainda não sabem o que causou o fogo, que destruiu grande parte da cidade histórica de Lahaina. Saiba quais os incêndios mais mortais do século 21 abaixo: Austrália, 2009: 179 mortes Ao menos 179 pessoas morreram em incêndios florestais no sudeste da Austrália, sobretudo no Estado […]

today17 de agosto de 2023 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%