G1 Mundo

Homem admite que provocou incêndio fatal em estúdio da Kyoto Animation, no Japão, em 2019

today6 de setembro de 2023 7

Fundo
share close

Apesar da confissão do acusado, identificado como Shinji Aboa, de 45 anos, seus advogados insistiram na inocência do cliente, alegando problemas psiquiátricos.

Aboa, que já era suspeito do caso, foi detido logo após o incêndio e estava em prisão preventiva desde então. Ele começou a ser julgado nesta terça-feira por cinco acusações. São elas:

  • Assassinato;
  • Tentativa de assassinato;
  • Incêndio criminal;
  • Violação de propriedade e
  • Violação da lei de controle de armas.



“Está correto, eu fiz (isso, o incêndio)”, declarou Aoba no tribunal de distrito de Kioto, segundo a agência de notícias japonesa Jiji Press.

“Não pensei que tantas pessoas morreriam e agora acho que fui longe demais”, alegou o acusado, que compareceu ao tribunal em uma cadeira de rodas.

Aoba quase morreu em consequência das queimaduras do incêndio e passou várias semanas em coma no hospital. Mais de 90% de sua pele foi queimada, e ele passou por 12 cirurgias de recuperação, segundo o médico responsável pelo atendimento. Ele também precisou de uma intervenção para recuperar a fala.

Em dezembro de 2020, Aoba foi indiciado oficialmente após ter sido declarado “mentalmente apto” para ser julgado. Ele foi acusado de entrar ilegalmente no edifício dos estúdios, espalhar gasolina no térreo e atear fogo, aos gritos de “morram”.

A motivação não foi determinada, mas já foi citada a hipótese de Aoba ter acusado o estúdio de roubar seu trabalho, o que o Kyoto Animation nega.

Bombeiros trabalham para combater incêndio na Kyoto Animation, no oeste do Japão, quinta-feira (18) — Foto: Kyodo News via AP

Em 18 de julho de 2019, o prédio que o estúdio de animações Kyoto Animation operava foi alvo de um incêndio criminoso.

Cerca de 70 pessoas estavam nos estúdios da Kyoto Animation por volta das 10h30 no horário local (22h30 em Brasília) quando supostamente Shinji Aoba entrou no imóvel de três andares e jogou um líquido inflamável. Durante a ação, ele gritou: “Morram”.

Testemunhas disseram que as chamas se espalharam rapidamente. Cerca de 40 caminhões de bombeiros foram mobilizados para conter as chamas.

36 morreram e 32 ficaram feridas no caso.

Homem presta homenagem às vítimas do incêndio no estúdio Kyoto Animation, no Japão, nesta sexta-feira (19) — Foto: Kim Kyung-Hoon/ Reuters

A Kyoto Animation, mais conhecida como “KyoAni” foi criada em 1981. O tradicional estúdio produz desenhos animados, cria personagens e concebe produtos derivados de suas séries inspiradas de mangás japoneses famosos.

Entre suas produções estão “K-ON!”, “A Melancolia de Haruhi Suzumiya” e “Lucky Star”.

Embora a companhia não seja muito conhecida internacionalmente, ela foi responsável por um trabalho secundário de animação utilizado em “Pokemon” e “Winnie the Pooh”.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

praia-games-2023-reunira-atracoes-do-mundo-geek-e-competicoes-de-videogames

G1 Santos

Praia Games 2023 reunirá atrações do mundo geek e competições de videogames

A edição deste ano do “Praia Games”, o maior evento geek da Baixada Santista, acontecerá a partir da próxima quinta-feira (7), no Kartódromo de Praia Grande, no litoral de São Paulo. O evento contará com concursos, competições, estações de jogos, além da presença de diversas atrações do segmento e distribuição de brindes. A programação se estende, das 10h às 22h, até o próximo domingo (10). (confira abaixo) A entrada no […]

today5 de setembro de 2023 13

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%