G1 Santos

Homem encontrado morto a facadas ao lado da esposa já havia sido preso por violência doméstica

today27 de fevereiro de 2024 13

Fundo
share close

O casal foi encontrado dentro de um imóvel no bairro Embaré neste domingo (25). Segundo o boletim de ocorrência, o filho do casal disse à PM ter tentado salvar a mãe, que foi esfaqueada e estrangulada pelo pai após discussões. O rapaz, porém, não soube explicar a morte do homem, que também foi esfaqueado e tinha um fio elétrico enrolado ao pescoço. Ele foi levado à Fundação Casa.

De acordo com o BO, o casal já havia se envolvido em uma ocorrência policial em agosto de 2023. Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP), testemunhas relataram que eles estavam hospedados em um hotel em São Bernardo do Campo (SP) e que mulher, de 38 anos, foi agredida pelo marido, de 40, em uma das avenidas da cidade.

O homem foi preso em flagrante e, depois de passar por uma audiência de custódia, foi levado ao Centro de Detenção Provisória III de Pinheiros. O caso foi registrado como violência doméstica, lesão corporal, dano e injúria no 3º DP do município do ABC Paulista.



Na ocasião, a autoridade policial solicitou medidas protetivas de urgência à vítima, além de exames ao Instituto Médico Legal (IML) e Instituto de Criminalística (IC).

Em nota, a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informou à equipe de reportagem que o homem teve a revogação da prisão preventiva concedida pelo Poder Judiciário em novembro de 2023. Naquele momento, ele estava na Penitenciária de Itaí (SP) após uma transferência.

O g1 entrou em contato com o Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) para mais informações. O órgão, no entanto, informou que o processo está em segredo de Justiça. O Ministério Público do Estado de São Paulo (MP-SP), por sua vez, não respondeu até a última atualização desta reportagem.

Casal é encontrado morto esfaqueado em apartamento no litoral de SP — Foto: Reprodução

O crime aconteceu na Rua Frei Francisco Sampaio, no bairro Embaré. Segundo o registro policial, dentro do imóvel estavam o casal, sendo o homem de 40 anos e a mulher, de 38, o filho deles, de 17, e mais dois amigos do jovem, de 20 e 18. Os colegas, de acordo com o depoimento do rapaz à PM, não estão envolvidos.

Conforme o boletim de ocorrência, o filho do casal relatou aos policiais ter presenciado três episódios seguidos em que o pai agrediu a mãe no imóvel, sendo que o último causou a morte dela.

O jovem relatou à PM que o pai pulou a janela – de outro ponto do apartamento – para acessar o quarto onde a mãe estava trancada. Neste momento, ele teria encontrado o homem já esfaqueando a mulher na região torácica.

O jovem disse à PM que pulou nas costas do pai para tentar ajudar a mãe, caindo os três no chão em seguida. Porém, ao perceber que a mulher não reagia mais, ficou “assustado” e saiu correndo do prédio para pedir ajuda, deixando o pai ainda estrangulando a mãe.

A PM registrou no boletim de ocorrência que os dois amigos do rapaz foram os responsáveis por acionar o socorro e as autoridades policiais. Não há informações oficiais sobre eventuais depoimentos deles à corporação até a última atualização desta reportagem.

O caso foi registrado como homicídio na Central de Polícia Judiciária (CPJ) e encaminhado à Delegacia da Infância e Juventude (Diju) da cidade.

Atenção, imagens fortes! — Foto: g1

Casal é encontrado morto esfaqueado em apartamento no litoral de SP — Foto: Reprodução




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

o-tradicional-‘festival-do-nu’-no-japao-que-aceitou-mulheres-pela-primeira-vez-em-1250-anos

G1 Mundo

O tradicional ‘festival do nu’ no Japão que aceitou mulheres pela primeira vez em 1250 anos

"Washoi! Washoi! ('Vamos! Vamos!')", eles gritam. Esta cena praticamente não mudou nos 1.250 anos em que o Hadaka Matsuri, ou Festival do Nu, é realizado no Santuário Konomiya, no centro do Japão. Mas neste ano o festival introduziu uma grande mudança. Longe do amontoado de homens, um grupo está prestes a se tornar o de primeiras mulheres a participar do evento. As mulheres aqui reunidas sabem que estão fazendo história. […]

today27 de fevereiro de 2024 8

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%