G1 Santos

Infectologistas explicam ‘bolhas dolorosas’ que fazem parte dos sintomas da varíola dos macacos

today21 de junho de 2022 6

Fundo
share close

Especialistas afirmam que as vesículas que aparecem na pele das pessoas com suspeita do vírus não doem, apenas em casos de infecção.

As autoridades pedem que a população fique atenta aos sintomas clássicos da varíola dos macacos — Foto: Getty Images/via BBC



Atualmente, o Brasil registra oito casos confirmados da doença, sendo que quatro estão no estado de São Paulo. O g1 ouviu nesta terça-feira (21), os médicos infectologistas de Santos, no litoral de São Paulo, Evaldo Stanislau e Marcos Caseiro, que explicaram o quadro de “bolhas” que afetam os pacientes infectados pela varíola dos macacos. Ambos afirmam: são indolores, mas carregadas de vírus.

Segundo o Ministério da Saúde, passa a ser considerado um caso suspeito qualquer pessoa que apresente bolhas na pele de forma aguda e inexplicável. Os especialistas afirmaram que as vesículas, termo correto para as “bolhas” que aparecem na pele dos infectados, são parte dos sinais característicos da doença. “Nelas, existe um líquido com grande quantidade de vírus”, disse Stanislau.

Segundo o infectologista, as vesículas evoluem ao mesmo tempo e de forma semelhante para um conteúdo purulento, com pus. “Depois disso, viram crostas que ao desaparecer podem deixar cicatrizes no local”.

Stanislau explica, ainda, que as erupções podem levar de três a quatro semanas para desaparecerem. Apesar de pacientes com suspeita da doença relatarem que as bolhas são dolorosas, o médico afirma que as vesículas da varíola dos macacos costumam coçar, mas não doer. “Não tem dor, só se infeccionar”, disse.

Ouça o podcast Baixada em Pauta

Varíola dos macacos é semelhante à varíola que já foi erradicada, mas menos severa e menos infecciosa — Foto: Science Photo Library

O infectologista do Hospital Guilherme Álvaro, Marcos Caseiro, explicou que as lesões elementares são comuns em muitas doenças infecciosas e confirmou que, diferente de outras doenças virais e que causam essas vesículas, as “bolhas” da varíola não são dolorosas.

Caseiro explica que esse processo se trata de uma fase evolutiva das vesículas. “Não se deve romper essas bolhas. Elas se rompem naturalmente e formam crostas”. Assim, segundo ele, podem-se evitar infecções secundarias, já que elas estão cheias de bactérias.

O Ministério da Saúde ressalta que o contágio do vírus se dá pelo contato físico pele a pele ou com lesões na pele, contato sexual ou com materiais contaminados 21 dias antes do início dos sintomas.

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias

Newsletter G1 Created with Sketch.

O que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.

Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita.

Obrigado!

Você acaba de se inscrever na newsletter Resumo do dia.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

jovem-aprovada-em-universidades-internacionais-arrecada-mais-de-r$-10-mil-em-24h-e-esta-a-um-passo-de-estudar-na-coreia-do-sul

G1 Santos

Jovem aprovada em universidades internacionais arrecada mais de R$ 10 mil em 24h e está a um passo de estudar na Coreia do Sul

Moradora de São Vicente, no litoral de São Paulo, estudou em escola estadual. Meta para realizar "maior sonho" de sua vida é de R$ 20 mil. Fernanda Trajano Bogue foi aprovada em sete universidades internacionais, sendo cinco nos Estados Unidos e duas na Coreia do Sul — Foto: Arquivo pessoal A jovem de 20 anos que estudou em uma escola estadual de São Paulo e foi aprovada em sete universidades […]

today21 de junho de 2022 8

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%