G1 Mundo

Japoneses celebram Festival do Pênis, em Kawasaki 

today3 de abril de 2023 77

Fundo
share close

Kanamara Matsuri acontece há mais de 40 anos e arrecada dinheiro para combate a infecções sexualmente transmissíveis.




Japoneses celebram Festival do Pênis, em Kawasaki 

Japoneses celebram Festival do Pênis, em Kawasaki 

Milhares de turistas e locais participaram do Kanamara Matsuri, o Festival do Pênis, no domingo (2), em Kawasaki, cidade na província de Kanagawa, no Japão. A festa celebra o órgão sexual masculino e acontece há mais de 40 anos.

A atração principal do Kanamara Matsuri é uma procissão com estátuas de pênis gigante, que é carregado por mulheres e homens vestidos com roupas femininas. O ritual celebra a fertilidade e tem como objetivo conscientizar e arrecadar dinheiro para a prevenção de infecções sexualmente transmissíveis.

A origem da celebração remonta ao período em que prostitutas de Kawasaki rezavam para o pênis de aço pedindo sucesso em seus negócios e proteção contra doenças.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!

Você deseja continuar recebendo este tipo de sugestões de matérias?




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

tribunal-de-kiev-ordena-prisao-domiciliar-de-lider-da-igreja-ortodoxa-ucraniana

G1 Mundo

Tribunal de Kiev ordena prisão domiciliar de líder da Igreja Ortodoxa Ucraniana

A Procuradoria Ucraniana está investigando Pavlo por justificar as ações da Rússia e por incitar o ódio religioso, devido aos seus ataques públicos à Igreja Ortodoxa da Ucrânia (IOdaU), canonicamente independente de Moscou. Mais cedo no sábado, o Serviço de Segurança da Ucrânia (SBU) notificou Pavlo de que ele era suspeito de dois crimes: incitar inimizade inter-religiosa e justificar a agressão russa. O religioso de 61 anos nega as acusações […]

today3 de abril de 2023 12

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%