G1 Santos

Jovem se entrega à polícia após agredir e matar o amigo de infância e vizinho do pai

today31 de março de 2024 1

Fundo
share close

Nas imagens, é possível ver a vítima, de 53 anos, vestindo uma camisa vermelha em frente ao próprio bar. Ela parece acenar para o agressor, que estava apenas com uma bermuda escura. O homem se aproxima correndo e aplica socos no rosto do comerciante, de quem era amigo de infância e vizinho.

A vítima reage e vai em direção ao agressor, que já estava no meio da rua. É nesse momento que o filho chega e surpreende com um chute, uma espécie de voadora. Depois do golpe, o jovem foge com o pai. O caso aconteceu na madrugada de quinta-feira (21), no bairro Jardim Corumbá.

Equipes da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Itanhaém prosseguiram com investigações em vários endereços, sendo que uma delas resultou na prisão do jovem, na última quinta-feira (28), após ele ser convencido por familiares a apresentar-se aos policiais com advogado.



Ele foi conduzido até a delegacia, que ratificou pela prisão temporária. Em seguida, ele foi levado até a cadeia de Peruíbe, onde permaneceu à disposição da Justiça. Na delegacia, o jovem preferiu manter-se em silêncio, optando por prestar esclarecimentos apenas, futuramente, ao juiz.

O comerciante golpeado fica jogado no chão, no meio da via, com algumas pessoas em volta. O resgate foi acionado, a vítima socorrida e levada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade. Ela foi transferida em seguida para o Hospital Irmã Dulce, em Praia Grande (SP), mas não resistiu aos ferimentos. A causa da morte não foi divulgada.

Os policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Itanhaém conseguiram o endereço de pai e filho com testemunhas. Os agentes se deslocaram ao imóvel e foram atendidos pela mãe e esposa dos agressores. A eles, informou que não sabia a motivação do crime, mas que o marido era amigo de infância do comerciante.

Pai e filho agrediram um comerciante que foi levado ao hospital mas não resistiu aos ferimentos — Foto: Divulgação/Polícia Civil

No hospital, a esposa da vítima informou aos PMs que o marido cumprimentou um colega que passava de bicicleta, mas o agressor teria achado, de forma equivocada, que era com ele.

A mulher do comerciante disse, ainda, que era vizinha da família dos agressores, e que mantinha bom relacionamento com eles. Segundo ela, o homem que começou a briga era viciado em drogas e vendia itens recicláveis.

A esposa e mãe dos agressores havia dito aos policiais que não sabia onde estavam o marido e o filho. A caminho da delegacia, no entanto, os policiais receberam a informação de que o homem, de 52 anos, pretendia escapar para São Paulo.

Os policiais realizaram investigações, trabalho de busca e esperaram até localizar e prender o homem no bairro Bopiranga. Ele passou por audiência de custódia e foi levado à Cadeia Pública de Peruíbe. Os trabalhos continuam para encontrar e prender o filho dele.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%