G1 Mundo

Justiça da Coreia do Sul condena Japão a indenizar 16 escravizadas sexuais da 2ª Guerra com R$ 754 mil cada

today23 de novembro de 2023 6

Fundo
share close

A Justiça da Coreia do Sul ordenou, nesta quinta-feira (23), que o Japão indenize 16 mulheres vítimas de escravidão sexual durante a Segunda Guerra Mundial.

Em uma instância inferior da Justiça, o caso havia sido rejeitado.

O Tribunal Superior de Seul ordenou que cada uma das denunciantes receba cerca de US$ 154 mil dólares (R$ 754 mil).



O tribunal afirmou que as vítimas foram sequestradas à força ou atraídas para a escravidão sexual e concluiu que, como resultado, sofreram danos e não conseguiram viver uma vida normal após a guerra.

Lee Young-soo, uma vítima de 95 anos e uma das 16 denunciantes, levantou os braços de alegria ao sair do tribunal. “Estou muito grata”, disse ela aos repórteres, visivelmente comovida com a decisão.

Segundo historiadores, cerca de 200 mil mulheres, principalmente da Coreia, mas também de outras partes da Ásia, incluindo a China, foram forçadas à escravidão sexual por soldados japoneses durante a Segunda Guerra Mundial.

Esta questão abala há muito tempo as relações bilaterais entre Seul e Tóquio, que colonizou a península a Coreia entre 1910 e 1945.

O Japão insiste que um tratado de 1965, em virtude do qual os dois países restauraram relações diplomáticas com um pacote de reparações de cerca de 800 milhões de dólares (3,9 bilhões de reais) em subvenções e empréstimos, resolveu todas as reivindicações relacionadas ao período colonial.

A ministra das Relações Exteriores do Japão, Yoko Kamikawa, disse que a decisão desta quinta-feira é “claramente contrária ao direito internacional e aos acordos entre os dois países”.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

veneza-testara-cobranca-de-taxas-de-entrada-de-r$-26-e-limite-de-visitantes-a-partir-de-abril

G1 Mundo

Veneza testará cobrança de taxas de entrada de R$ 26 e limite de visitantes a partir de abril

Veneza começará a testar uma taxa de admissão diária e um limite para o acesso dos visitantes aos seus famosos canais a partir de abril do ano que vem, em uma ação que o prefeito da cidade italiana qualificou como a primeira desse tipo no mundo. O objetivo da medida é administrar o fluxo de turistas nos feriados da primavera europeia e em alguns fins de semana do verão italiano, […]

today23 de novembro de 2023 5

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%