Gospel Prime

Justiça extingue processo de Bolsonaro contra Lula por móveis do Alvorada

today2 de abril de 2024 1

Fundo
share close

A Justiça do Distrito Federal extinguiu hoje o processo movido por Jair e Michelle Bolsonaro contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, após a Presidência encontrar os móveis do Palácio da Alvorada que estavam desaparecidos.

O Juizado Especial Cível do Distrito Federal apontou que os Bolsonaros não estão processando a entidade correta. Segundo a Constituição Federal, é o órgão que responde por eventuais danos causados por agentes públicos. Nesse caso, o ex-presidente deveria ter sido processado pela Presidência da República, e não como pessoa física. “Eventual pretensão de indenização e retratação deverá ser exercida em desfavor do Estado”, afirma a decisão.

Além disso, a sentença ressalta que mesmo se o processo fosse legítimo, não poderia ser julgado, pois não foi protocolado no lugar correto. O documento, assinado pela juíza Gláucia Barbosa Rizzo da Silva, aponta que a retratação pedida por Bolsonaro demandaria uma ação de rito especial, que não poderia tramitar no Juizado Especial Cível.

Bolsonaro e Michelle processaram Lula após os móveis do Palácio da Alvorada, dados como desaparecidos, serem encontrados em um depósito na própria residência oficial. Eles pediram uma indenização de R$ 20 mil, que seria doada a uma instituição de caridade, e uma retratação na imprensa e nos canais de comunicação da Presidência.






Todos os créditos desta notícia pertecem a Gospel Prime.

Por: Redacao

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

professores-de-cubatao-rejeitam-proposta-da-prefeitura-e-fazem-greve

G1 Santos

Professores de Cubatão rejeitam proposta da prefeitura e fazem greve

Ao g1, os profissionais informaram, ainda, que a prefeitura não se manifestou em relação ao um pedido de negociação e, portanto, eles realizaram um protesto em frente ao Paço Municipal. O Sindpmc informou ter protocolado no dia 9 de fevereiro um documento com as reivindicações da categoria na Campanha Salarial. O sindicato destacou que, com a proposta de 5% da administração municipal, o acréscimo no Vale Refeição será de apenas […]

today2 de abril de 2024 7

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%