G1 Mundo

Líder Yanomami pede que papa Francisco ajude Lula a salvar seu povo

today10 de abril de 2024 5

Fundo
share close

Os yanomami, cuja população é estimada em cerca de 31 mil pessoas, vivem na maior Terra Indígena do Brasil, nos Estados de Roraima e Amazonas. A invasão das terras por garimpeiros ilegais tem causado desnutrição e mortes.

Pedi ao papa (para) dar apoio ao governo Lula, porque Lula precisa de companheiros. Sozinho não consegue. A política não quer que Lula resolva

— disse Kopenawa aos repórteres.



“O papa falou que vai conversar com ele.”

Kopenawa, um xamã que cofundou e preside a Hutukara Associação Yanomami (HAY), que faz campanha pelos direitos indígenas e pela preservação da Amazônia, encontrou-se com Francisco no Vaticano.

Ele mencionou a contaminação da água por mercúrio – usado por garimpeiros na mineração ilegal – como uma das maiores ameaças à sua comunidade, junto do desmatamento para a criação de gado e o cultivo da soja.

Um estudo da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) apontou contaminação por mercúrio em nove aldeias do território Yanomami, a partir de amostras de cabelo de cerca de 287 indígenas coletadas em outubro de 2022.

O território Yanomami, uma área aproximadamente do tamanho de Portugal, tem sido invadido por garimpeiros há décadas, mas as incursões destrutivas se multiplicaram nos últimos anos, quando o ex-presidente Jair Bolsonaro desmantelou proteções ambientais.

Desde sua posse no ano passado, Lula tem liderado esforços para expulsar os garimpeiros ilegais do território. Em janeiro, o governo anunciou 1,2 bilhão de reais em ajuda para áreas indígenas.

Francisco tem feito da defesa do meio ambiente um dos pilares de seu papado e condenado repetidamente o saque de recursos naturais na Amazônia e em outros lugares.

Pesquisa mostra que quase todos indígenas de nove comunidades na Terra Yanomami estão contaminados com mercúrio

Pesquisa mostra que quase todos indígenas de nove comunidades na Terra Yanomami estão contaminados com mercúrio




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

operacao-do-brasil-retira-7-brasileiros-e-1-alema-do-haiti-com-helicoptero;-pais-vive-crise-de-violencia

G1 Mundo

Operação do Brasil retira 7 brasileiros e 1 alemã do Haiti com helicóptero; país vive crise de violência

O governo do Brasil anunciou nesta quarta-feira (10) que retirou sete brasileiros e uma alemã que estavam no Haiti. Segundo o texto divulgado pelo Ministério das Relações Exteriores, foi preciso fazer isso porque o aeroporto de Porto Príncipe está fechado e há um "agravamento da situação de segurança" (leia mais abaixo). Para retirar as oito pessoas, o governo do Brasil organizou dois voos de helicóptero até a cidade de Jimaní, […]

today10 de abril de 2024 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%