G1 Mundo

Mais de 1.500 leões-marinhos morrem no Chile; há suspeita de surto de gripe aviária entre os animais

today1 de abril de 2023 13

Fundo
share close

De acordo com o governo do Chile, a situação é anômala. Além dos leões-marinhos, também apareceram mais de 700 pinguins mortos.




Leões-marinhos mortos aparecem nas costas chilenas, infectados com gripe aviária

Leões-marinhos mortos aparecem nas costas chilenas, infectados com gripe aviária

O Serviço Nacional de Pesca e Aquicultura do Chile publicou um balanço na sexta-feira (31) em que apontou que 2.273 mil animais morreram nas praias do país no primeiro trimestre deste ano —a maioria é de leões-marinhos.

Há uma alta muito significativa do número de animais mortos: no ano inteiro de 2022 foram 160, e em 2021, 129.

O Serviço Nacional de Pesca atribui as mortes a um surto de gripe aviária, de acordo com uma reportagem do jornal “La Tercera”.

Soledad Tapia, a diretora nacional do Serviço de Pesca, disse que o número de mortes neste trimestre é uma alta histórica. A situação é anômala, segundo ela.

A contagem de animais mortos é a seguintes:

  • Leões-marinhos: 1.535
  • Pinguins: 730
  • Lontras: 8

Gripe aviária entre humanos

Na quinta-feira (30), o Ministério da Saúde do Chile tornou público que houve um caso humano de gripe aviária no país.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!

Você deseja continuar recebendo este tipo de sugestões de matérias?




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

‘ainda-estou-vivo’,-diz-papa-ao-ter-alta-do-hospital

G1 Mundo

‘Ainda estou vivo’, diz papa ao ter alta do hospital

Ao ter alta, ele brincou: "Ainda estou vivo". Mais tarde, pelo Twitter, voltou a se pronunciar sobre a internação. "Agradeço a todos pela proximidade e oração. Confio a Maria os doentes, sobretudo as crianças, como aquelas que encontrei na ala de oncologia do Gemelli. Rezemos por quem sofre a perda dos seus caros e por quem trabalha no hospital, é necessário heroísmo. Eu os admiro", escreveu. A informação foi confirmada […]

today1 de abril de 2023 8

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%