G1 Santos

Mais de 200 kg de fogos de artifício apreendidos no Réveillon são destruídos em Praia Grande, SP

today13 de janeiro de 2024 8

Fundo
share close

Ação fez parte da Operação Verão Fiscalização.


Fogos de artifício de vendas ilegais foram apreendidos durante Operação Verão Fiscalização, em Praia Grande, no litoral de São Paulo — Foto: Jairo Marques/Prefeitura de Praia Grande



A Prefeitura de Praia Grande, no litoral de São Paulo, realizou um esquema especial para destruir os fogos de artifícios vendidos de forma ilegal. As apreensões ocorreram ao longo dos dias que antecederam o ano novo e também na noite do Réveillon. Ao todo, foram 200 kg de artefatos foram destruídos.

Durante a operação que coibiu a venda ilegal de fogos de artifício, em Praia Grande, somente no Bairro Samambaia, por exemplo, foram apreendidas 270 caixas em uma única ação.

O principal objetivo da Operação Verão, que continua até fevereiro, é checar a regularidade dos vendedores ambulantes que atuam na orla e em outras regiões de Praia Grande. Os agentes conferem as documentações dos comerciantes, o cumprimento do código de posturas municipal e se os vendedores estão atuando de acordo com as regras da vigilância sanitária e da Lei Complementar 172/97, que regulamenta o exercício de vendedores ambulantes no município.

A detonação ocorreu na última semana em uma pedreira fora do perímetro urbano. A operação de destruição foi conduzida pelo GER Dope (Grupo Especial de Reação Antibombas) da Polícia Civil do Estado de São Paulo.

As secretarias municipais de Administração (Sead), Urbanismo (Seurb), Assuntos de Segurança Pública (Seasp), Serviços Urbanos (Sesurb) foram envolvidas no esquema especial.

Esquema especial de destruição de fogos de artifício ilegais realizado pela Prefeitura de Praia Grande, no litoral de São Paulo — Foto: Jairo Marques/Prefeitura de Praia Grande

G1 em 1 minuto - Santos: 'Falso croata' foi preso horas antes de 'esloveno' ser executado

G1 em 1 minuto – Santos: ‘Falso croata’ foi preso horas antes de ‘esloveno’ ser executado




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

dono-e-funcionario-de-lava-rapido-sao-presos-com-carga-de-cervejas-roubada-e-avaliada-em-r$-42-mil

G1 Santos

Dono e funcionário de lava-rápido são presos com carga de cervejas roubada e avaliada em R$ 42 mil

O proprietário e um funcionário de um lava-rápido, ambos de 34 anos, foram presos com uma carga roubada de cervejas, que havia sido roubada e avaliada em R$42 mil, em São Vicente, no litoral de São Paulo. O caminhão, onde as bebidas eram transportadas, foi levado momentos antes por um trio de criminosos. Segundo a Polícia Civil, eles obrigaram o motorista a descarregar a carga no lava-rápido. De acordo com […]

today13 de janeiro de 2024 12

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%