G1 Mundo

Manifestantes curdos entram em confronto com a polícia após tiroteio em Paris

today23 de dezembro de 2022 215

Fundo
share close

Os incidentes começaram quando os manifestantes enfrentaram um cordão policial que protegia o ministro do Interior francês, Gérald Darmanin, que se deslocou ao local para fornecer alguns detalhes da investigação em curso à imprensa.

As forças de segurança usaram gás lacrimogêneo para dispersar os manifestantes, que por sua vez responderam lançando projéteis contra eles e também fizeram fogueira com lixo e ergueram barricadas na rua.



Manifestantes curdos entram em confronto com a polícia após tiroteio em Paris

Manifestantes curdos entram em confronto com a polícia após tiroteio em Paris

Os confrontos continuavam na capital francesa por volta das 17h (13h no horário de Brasília).

O incidente aconteceu na Rue Enghien, no 10º ‘arrondissement’, próximo a um centro cultural curdo, em um bairro com inúmeras lojas e moradores de origem curda.

O ataque deixou pelo menos três mortos e três feridos, segundo balanço da Promotoria de Paris. Um homem foi preso logo após os fatos.

No começo da tarde, o presidente Emmanuel Macron descreveu o tiroteio como “ataque hediondo”.

“Os curdos da França foram alvo de um ataque hediondo no coração de Paris. Pensamentos para as vítimas, para as pessoas que lutam para sobreviver, para suas famílias e entes queridos. Reconhecimento aos nossos policiais por sua coragem e compostura”, disse no Twitter.

Polícia francesa e bombeiros protegem uma rua depois que tiros foram disparados matando duas pessoas e ferindo várias em um distrito central de Paris, na França, nesta sexta, 23 de dezembro — Foto: Reuters

Segundo duas fontes policiais, o detido, um condutor de trem aposentado de 69 anos, de nacionalidade francesa, é conhecido por duas tentativas de homicídio cometidas em 2016 e dezembro de 2021.

Darmanin disse à imprensa que o detido “queria manifestamente atacar estrangeiros”.

Segundo ele, “não é certo” que o atacante queria atingir “especificamente os curdos”, depois que rumores nesse sentido circularam na Turquia.

Tiroteio em Paris deixa mortos e feridos

Tiroteio em Paris deixa mortos e feridos

“Ainda não sabemos as suas motivações exatas”, enfatizou o ministro, que explicou que o suspeito “era atirador num clube esportivo e tinha inúmeras armas declaradas”.

Entre as vítimas também não havia “nenhuma pessoa, que eu saiba, especialmente apontada e conhecida” pelas autoridades francesas, explicou Darmanin, em resposta a uma pergunta sobre sua eventual filiação ao Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), uma organização considerada “terrorista” pela União Europeia.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

o-‘ciclone-bomba’-que-pode-baixar-temperaturas-a-55oc-e-poe-135-milhoes-em-alerta-nos-eua-e-no-canada

G1 Mundo

O ‘ciclone bomba’ que pode baixar temperaturas a -55ºC e põe 135 milhões em alerta nos EUA e no Canadá

Uma forte tempestade de inverno no Ártico colocou mais de 135 milhões de pessoas sob alerta meteorológico neste fim de semana, um dos períodos mais movimentados do ano em termos de viagem. Os alertas se estendem de costa a costa, chegando até a fronteira dos EUA com o México e a Flórida, conhecida como o Estado ensolarado. Os principais aeroportos do país cancelaram milhares de voos à medida que a […]

today23 de dezembro de 2022 208

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%