G1 Mundo

Meses antes da fuga de Danilo Cavalcante de presídio dos EUA, outro detento escapou da mesma forma

today13 de setembro de 2023 16

Fundo
share close

Em 31 de agosto, o brasileiro Danilo Cavalcanti, que foi condenado à prisão perpétua nos Estados Unidos, conseguir escapar da prisão de West Chester, no estado da Pensilvânia.

Meses antes, em 19 de maio, um outro detento já havia conseguido escapar da mesma penitenciária –e da mesma forma, escalando duas paredes muito próximas, de acordo com uma reportagem da rede NBC.

De acordo com o texto da NBC, os guardas se distraíram por causa de uma briga na quadra de basquete e não perceberam que um detento tinha conseguido subir até o telhado.



Era um homem chamado Igor Bolte. Ele mesmo contou que tinha experiência em escalar, e que colocou os pés em uma parede, as mãos na outra e foi subindo até o telhado.

Ele desceu do telhado do edifício perto de uma entrada onde há poucos seguranças e saiu correndo pelo estacionamento.

Bolte, no entanto, foi recapturado logo depois de fugir da prisão.

Brasileiro 'escalou' parede para fugir da prisão nos EUA

Brasileiro ‘escalou’ parede para fugir da prisão nos EUA

Danilo Cavalcante, de 34 anos, foi condenado à prisão perpétua por assassinar a ex-namorada e fugiu no dia 31 de agosto. Desde então, a polícia mobilizou centenas de agentes para capturá-lo, mas sem resultados.

Em imagens disponibilizadas pela polícia em coletiva de imprensa, é possível ver quando o criminoso apoia as mãos em uma parede e, depois, os pés em outra parede em frente à primeira. Posicionado assim e virado de barriga para baixo, Cavalcante foi arrastando os braços e pernas para cima, até chegar ao topo dos muros.

Danilo foi cercado pela polícia em uma região de floresta fechada durante dias, mas conseguiu escapar dos agentes porque encontrou um carro com uma chave dentro.

A polícia da Pensilvânia disse na terça-feira (12) que Danilo Cavalcante, o brasileiro condenado a prisão perpétua que fugiu da cadeia nos Estados Unidos, trocou tiros com moradores, mas acredita que ele não está ferido.

Veja abaixo uma cronologia do caso

  • 2017: Danilo é réu por um homicídio no estado do Tocantins. Um homem foi morto a tiros em uma praça, supostamente devido a uma briga relacionada ao conserto de um carro.
  • 2021: Nos EUA, ele teria matado uma ex-namorada com uma faca. Ele já tinha um histórico de agressões contra ela. Ele é preso.
  • Agosto de 2023: Danilo é condenado por homicídio nos EUA e recebe uma pena de prisão perpétua sem possibilidade de liberdade condicional.
  • 31 de agosto de 2023: Danilo foge da prisão nos EUA, escalando paredes separadas por um corredor de 1,5 metro de largura.
  • 1º de setembro: Monta-se uma grande operação, com mais de 400 policiais municipais, estaduais e federais, além de helicópteros e drones, para capturar o fugitivo.
  • Fim de semana após a fuga: Ele chega a ser flagrado por uma câmera de vídeo de uma casa em Phoenixville, localizada a cerca de 40 quilômetros de distância da prisão.
  • Domingo (10): A polícia dá uma entrevista coletiva para informar que Cavalcante conseguiu escapar do cerco policial após roubar uma van, raspando sua barba e bigode e trocando de roupas. Ele foi avistado em duas ocasiões diferentes, tentando encontrar pessoas conhecidas na região de Phoenixville.
  • Segunda-feira (11): Os americanos aumentam a recompensa por informações: agora, eles irão pagar US$ 25 mil se receberem uma informação que leve à prisão de Danilo.
  • Terça-feira (12): Danilo troca tiros com um morador. Ele não fica ferido e consegue escapar novamente.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

enchentes-na-libia:-a-cidade-que-parece-ter-sido-varrida-por-tsunami

G1 Mundo

Enchentes na Líbia: a cidade que parece ter sido varrida por tsunami

“Fiquei chocado com o que vi, é como um tsunami”, disse Hisham Chkiouat, do governo que controla o leste da Líbia. Grande parte de Derna, que abriga cerca de 100 mil pessoas, está submersa depois que duas barragens e quatro pontes ruíram. Há registros de que até 10 mil pessoas estão desaparecidas após as enchentes causadas pela tempestade Daniel, segundo a Federação Internacional da Cruz Vermelha e Crescente Vermelha (IFRC, […]

today13 de setembro de 2023 18

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%