G1 Santos

Ministério Público investiga falhas no fornecimento de água em Guarujá, SP

today30 de novembro de 2022 17

Fundo
share close

De acordo com o MPSP, a investigação foi aberta a pedido da Comissão de Direito do Consumidor da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Guarujá, que reivindicou a apuração de responsabilidade na ‘má prestação de serviço público essencial’.

A comissão ressaltou, em documento enviado ao MPSP, que “a população não aguenta mais sofrer com a falta d’água constante na cidade de Guarujá e Vicente de Carvalho [distrito do município, e um dos pontos mais afetados]”.

O inquérito civil foi instaurado pela Promotoria de Justiça do Consumidor de Guarujá e assinado pela promotora Sandra Barbuto. Segundo a OAB, o problema, mais constante nos bairros Paecara e Jardim Boa Esperança, tem gerado o aumento indevido da conta de água e esgoto. O órgão explica que os hidrômetros registram a passagem de ar como se fosse água e geram a cobrança.



A Sabesp foi procurada, mas ainda não se manifestou sobre o caso — Foto: Divulgação/Prefeitura de Guarujá

Ao abrir a investigação, o MPSP justifica que “os usuários dos serviços de fornecimento de água são consumidores à luz do Código de Defesa do Consumido, enquanto a representada Sabesp é obrigada a fornecer serviços adequados, eficientes, seguros, contínuos”.

Ainda de acordo com o Ministério Público, em caso de descumprimento, total ou parcial, das obrigações, a Sabesp pode ser obrigada a cumpri-las e a reparar os danos causados. Ainda é citada, na abertura do inquérito, a Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo (Arsesp) pelo Poder Concedente, que devem fiscalizar o serviço prestado.

O g1 entrou em contato com a Sabesp, mas, até a última atualização desta matéria, não recebeu o posicionamento da concessionária.

A Prefeitura de Guarujá informou, em nota, que acompanha os episódios “pontuais” de desabastecimento de água e disse cobrar constantemente a Sabesp para que mantenha a situação sob controle, sem penalizar os munícipes.

A administração municipal explicou que, em agosto, em meio a sucessivos episódios de desabastecimento, técnicos da Secretaria Municipal de Meio Ambiente se reuniram com representantes do Ministério Público, integrantes do Conselho Municipal de Saneamento e Arsesp para alinhar uma fiscalização técnico-operacional aos serviços da Sabesp.

“Os técnicos da Arsesp fiscalizaram as condições de operação e as instalações dos serviços de abastecimento de água, esgotamento sanitário e atendimento comercial prestados pela Sabesp”, disse a prefeitura, que afirmou terem sido verificadas a qualidade da água fornecida, falta de investimentos previstos, não atendimento ao contrato e reclamações de usuários.

“O município ainda aguarda uma definição da companhia a respeito da construção do mega reservatório na chamada cava da pedreira, que seria capaz de suprir a demanda de Guarujá o ano inteiro, mesmo em períodos de estiagem. A prefeitura também já providenciou decreto que desafeta área para a Sabesp construir um outro reservatório, no bairro Morrinhos”, finalizou.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

homem-e-preso-apos-matar-esposa,-esconder-corpo-e-registrar-o-desaparecimento-dela-no-litoral-de-sp

G1 Santos

Homem é preso após matar esposa, esconder corpo e registrar o desaparecimento dela no litoral de SP

Um homem de 51 anos foi preso em flagrante por feminicídio e ocultação de cadáver da própria esposa. Dias antes da prisão, ele havia registrado um boletim de ocorrência afirmando que a esposa, de 45 anos, havia desaparecido. Após investigação da Polícia Civil (PC), o suspeito confessou que havia matado a companheira, pois ela queria ir morar com outro homem. O corpo da vítima foi localizado na beira de um […]

today30 de novembro de 2022 12

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%