G1 Santos

Motorista de app indenizado após falsa acusação de intoxicação ficou dias sem sair de casa e se sente ‘aliviado’, diz advogado

today19 de julho de 2022 18

Fundo
share close

Passageiras foram condenadas após laudo do Instituto de Criminalística constatar que produto oferecido era álcool. Decisão é da juíza da 2ª Vara do Juizado Especial Cível de Santos, no litoral de São Paulo.

Advogado de motorista de app indenizado em R$20 mil após falsa acusação de intoxicação afirma que decisão foi justa — Foto: Carolina Ochsendorf/TechTudo



O g1 conversou com o advogado do motorista de aplicativo indenizado em R$ 20 mil por danos morais após duas passageiras terem divulgado nas redes sociais que o profissional havia intoxicado uma delas dentro do veículo. Segundo Ricardo Przygoda, o motorista se sente aliviado com a decisão, mas que ficou muito abalado com o caso.

O condutor foi acusado de intoxicar uma passageira dentro do veículo em 2021 (confira mais detalhes abaixo). De acordo com o advogado, o motorista teve vários prejuízos após a denúncia, como a suspensão da plataforma para trabalhar e o endereço divulgado nas redes sociais – que foi feito por uma das mulheres que o acusou.

“Ele ficou em choque, não saía de casa porque viralizou o endereço dele. Ficou 10 dias sem sair de casa”.

O advogado conta que o motorista é um homem tranquilo e religioso. “Trabalha em uma igreja, pessoa do bem, um senhor de idade, íntegro, nunca teve problema com a Justiça, falou que chorava muito, com medo de ser algum tipo de retaliação na rua”, disse.

Segundo a decisão da juíza Andrea Aparecida Nogueira Amaral Roman, da 2ª Vara do Juizado Especial Cível de Santos , o laudo do Instituto de Criminalística (IC) constatou que produto utilizado na viagem era álcool etílico. Ela defendeu que o motorista teve a reputação, dignidade e honra ofendidas por meio de publicações em redes sociais.

Para o advogado, a indenização é uma forma de reparar os danos causados ao motorista de aplicativo. “Talvez até pelo tempo que ele ficou sem trabalhar, mas o abalo psicológico fica. Não tem dinheiro que pague. Em termos financeiros foi bem razoável, dentro do que a gente esperava”.

Ele afirma que o motorista se sente aliviado com a decisão. “Ele ficou dias sem sair de casa e não pode trabalhar, teve um abalo mental. É o provedor da família e passou por dificuldades [financeiras]”.

“As pessoas têm que entender que a internet não é terra de ninguém, a internet tem sua regulamentação, que existem leis que coíbem fake news. Não é a pessoa escrever qualquer coisa, sair falando da vida dos outros e achar que não vai ser responsabilizada”, afirmou Przygoda.

Em novembro de 2021, o motorista conduziu a passageira e ofereceu-lhe álcool com essência de canela para higienizar as mãos. O homem disse que, após iniciar a corrida, a mulher pediu para que ele parasse o veículo, pois precisava ir a uma farmácia. Na sequência, após descer do carro, a mulher tirou fotos do veículo do motorista.

Posteriormente, o motorista soube que a passageira tinha publicado uma foto do veículo e feito um falso alerta nas redes sociais, dizendo que o motorista queria dopá-la. Ele foi à Delegacia da Mulher, e entregou uma amostra do produto para perícia. O laudo do Instituto de Criminalística (IC) constatou que o produto era álcool etílico.

Duas mulheres foram condenadas a indenizar em R$ 20 mil [R$10 mil cada] o motorista de aplicativo por danos morais. A decisão foi da juíza Andrea Aparecida Nogueira Amaral Roman, da 2ª Vara do Juizado Especial Cível de Santos, no litoral de São Paulo. Ela defendeu que o motorista teve a reputação, dignidade e honra ofendidas por meio de publicações em redes sociais que tiveram grande repercussão e resultaram na suspensão das atividades profissionais do homem.

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias

Newsletter G1 Created with Sketch.

O que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.

Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita.

Obrigado!

Você acaba de se inscrever na newsletter Resumo do dia.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

guaruja-classifica-para-a-segunda-fase-das-finais-dos-jogos-da-juventude-em-tres-modalidades

Prefeitura de Guarujá

Guarujá classifica para a segunda fase das finais dos Jogos da Juventude em três modalidades

Futebol masculino, futsal e handebol feminino são as três equipes guarujaenses que estão em Presidente Prudente buscando o título estadual. Todas passaram para a segunda fase Guarujá está fazendo bonito nas finais dos Jogos da Juventude, que está acontece na cidade de Presidente Prudente, no interior de São Paulo. As três modalidades do Município que estão disputando as finais, futebol masculino, handebol e futsal feminino, se classificaram para a segunda fase. […]

today19 de julho de 2022 15

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%