G1 Santos

Mulher de 54 anos morre ‘de repente’ uma semana após dar luz gêmeas em SP

today21 de dezembro de 2022 40

Fundo
share close

Uma mulher, de 54 anos, morreu uma semana após dar a luz gêmeas e realizar o sonho de ser mãe. Conforme apurado pelo g1 nesta quarta-feira (21), a aposentada Rosemeire Aparecida Ribeiro sentiu falta de ar no último fim de semana, passou por dois hospitais e, quando era cuidada por médicos no Hospital Ana Costa, em Santos, no litoral de São Paulo, sofreu uma parada cardíaca e não resistiu.

Rosemeire morava em São Vicente e havia acabado de ter as gêmeas Aylla e Antonella, no último dia 12 de dezembro, no Hospital São Lucas, em Santos.

Ao g1, a irmã da aposentada, a administradora de empresas Célia Regina, contou que, durante a gravidez, Rosemeire chegou a sentir falta de ar e ficou inchada por conta de retenção de líquido. Apesar de o parto ter sido um sucesso e as crianças terem nascido saudáveis, ainda segundo a familiar, a mulher continuou sofrendo com os problemas.



“O parto foi tranquilo, mas ela continuou inchada e sentindo falta de ar. Os exames foram realizados no hospital [onde as gêmeas nasceram], mas verificaram que não era trombose e ela foi liberada. Em casa, começou a se sentir mal e foi para o Hospital Ana Costa. [Depois, foi] transferida de unidade e, em Santos, teve uma parada cardíaca. Eles fizeram de tudo, mas não conseguiram reverter“, explicou.

Rosemeire Aparecida Ribeiro deu a luz às gêmeas Aylla e Antonella — Foto: Arquivo Pessoal

Rosemeire e o marido, Alexandre Carvalho, de 49 anos, moravam em São Vicente (SP), e fizeram a fertilização ‘in vitro’ há um ano, em Santos (SP), para realizar o sonho de terem filhos. Segundo a irmã da aposentada, tudo foi feito com cuidado por parte da família.

Foi uma gravidez planejada. Ela não tinha pressão alta ou diabetes. Antes de fazer a fertilização, passou por todos os protocolos. Ela falava que, se um único resultado desse ‘alguma coisa’ [negativa], com uma margem mostrando que não poderia [realizar o procedimento], não colocaria uma criança no mundo. Foi muito cuidadosa”, comentou Célia Regina.

Rosemeire trabalhou como professora e coordenadora pedagógica em escolas municipais de São Vicente (SP) e se aposentou aos 51 anos. De acordo com a irmã, a aposentadoria e o momento de vida motivaram a mulher a engravidar.

“Ela sempre foi dedicada, planejada e independente, principalmente financeiramente. Quando se aposentou, disse que aquele seria o momento em que queria ser mãe. Disse também que queria, enfim, sentir esse ‘amor incondicional’ que temos pelos nossos filhos. Realizou o sonho dela”, finaliza.

Rosemeire morreu uma semana após realizar o sonho de ser mãe — Foto: Arquivo Pessoal

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

bombeiros-suspendem-buscas-por-casal-que-desapareceu-apos-ser-atingido-por-cabeca-d’agua-em-trilha-no-litoral-de-sp

G1 Santos

Bombeiros suspendem buscas por casal que desapareceu após ser atingido por cabeça d’água em trilha no litoral de SP

O Corpo de Bombeiros suspendeu por tempo indeterminado, nesta terça-feira (20), as buscas por um casal que desapareceu após ter sido atingido por uma cabeça d'água [aumento repentino do nível de um rio devido às chuvas] ao retornar de uma trilha em Itanhaém, no litoral de São Paulo. Marli Valadão, de 32 anos, e José Jackson, de 25, estão desaparecidos desde 4 de dezembro. Em nota, a corporação informou que […]

today20 de dezembro de 2022 44

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%