G1 Santos

Mulher trans diz ter sido chamada de ‘viado’ e ameaçada ao pedir água em show no litoral de SP

today23 de novembro de 2023 1

Fundo
share close

Morena contou ter comprado o ingresso para o Festival Arretado há dois meses e meio e que estava empolgada para assistir ao show do cantor — previsto para começar na madrugada de domingo (19). Ela e duas amigas chegara à casa de show, no bairro Marapé, por volta das 20h30 do último sábado (18) e, segundo a youtuber, logo comprou cinco fichas para trocar por uma cerveja.

Foi ao pedir a primeira bebida que o clima de empolgação deu lugar ao de revolta. Ela contou à reportagem que a casa vendeu cervejas que não tinha à disposição. “Tinha muita gente discutindo, teve até briga”.

Para tentar resolver a situação disse ter pedido às funcionárias a troca das fichas comprada, mas foi informada que elas não tinham autonomia para atendê-la.



Morena então foi indicada a procurar o responsável e, assim que o encontrou, reivindicou a troca das fichas e uma água, momento em que diz ter escutado a seguinte frase: ‘espera aí, viado’.

“Fiquei muito brava com isso. Achei uma falta de respeito gigante. Sou mulher trans, não dou essa liberdade para ninguém”, afirmou.

Ela tentou procurar algum superior, sem mencionar a transfobia, apenas para solucionar o problema da cerveja. “Falaram que não iram trocar, que não peguei a cerveja porque não quis”.

Ao reforçar o pedido de água disse que foi alvo de chacota pelo desconhecimento dos funcionários, além de ter sido ameaçada. “Um cara pegou, virou para o segurança e disse que tinham dois policiais do Baep (Batalhão de Ações Especiais de Polícia) ali”.

Um dos funcionários virou para outro e disse: “Você está com sede? Porque eu não estou. Por que você precisa de água então?”, lembrou a youtuber ao reproduzir o diálogo.

Morena contou que depois disso alguns seguranças se aproximaram e ela, com medo, resolveu ir embora. “Não pude assistir ao show […]. Não foi respeitada a portaria e tomei prejuízo das cinco cervejas. Casa uma custou R$ 14”.

A situação vivida a fez procurar uma delegacia e registrar um Boletim de Ocorrência, pois o evento estava desorganizado. “Foi um caos, descaso e humilhação”. O caso foi registrado como injuria racial na Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Santos.

Em nota, a organização do Festival Arretado afirmou que estava ciente da nova portaria e do caso mencionado, inclusive dando toda atenção e cuidado no local. Foi oferecido todo atendimento e inclusive água potável, mas a mesma não quis sair do local para o atendimento.

A organização afirmou, ainda, que segue todos os protocolos e normas, com objetivo de oferecer entretenimento com segurança para todos.

O g1 entrou em contato com o Clube dos Portuários, mas não obteve retorno até a última atualização desta reportagem.

Governo Federal determinou que casas de show permitam a entrada de garrafas de água em eventos e que os organizadores ofereçam o líquido em dias de forte calor (imagem ilustrativa) — Foto: Érico Andrade/g1

“A partir de hoje [sábado,18], por determinação da Secretaria do Consumidor do Ministério da Justiça, será permitida a entrada de garrafas de água de uso pessoal, em material adequado, em espetáculos. E as empresas produtoras de espetáculos com alta exposição ao calor deverão disponibilizar água potável gratuita em ‘ilhas de hidratação’ de fácil acesso”, escreveu o ministro.

A portaria do governo terá validade de 120 dias (vale até 17 de março de 2024) e deverá ser cumprida em todo o país. Na justificativa, o Secretário Nacional do Consumidor, Wadih Damous, afirmou que o objetivo é proteger a “saúde dos consumidores em shows, festivais e quaisquer eventos especialmente expostos ao calor, em períodos de alta temperatura”.

  • Garantir o acesso gratuito de garrafas de uso pessoal, contendo água para consumo no evento, devendo disponibilizar bebedouros ou realizar distribuição de embalagens com água adequada para consumo, mediante a instalação de “ilhas de hidratação” de fácil acesso a todos os presentes, em qualquer caso sem custos adicionais ao consumidor;
  • Garantir que tanto os pontos de venda de comidas e bebidas quanto os pontos de distribuição gratuita de água estejam dispostos em regiões estratégicas do local evento a fim de facilitar o acesso pelos consumidores, consideradas a estrutura física e a quantidade estimada de participantes;
  • Assegurar espaço físico e estrutura necessária para assegurar o rápido resgate de participantes do evento, em caso de intercorrências relacionadas à saúde e demais situações de perigo;
  • A produção deverá assegurar o acesso gratuito de garrafas, contendo água potável para consumo pelos consumidores, devendo fixar os materiais de que tais recipientes podem ser compostos, a fim de garantir a segurança e a integridade física dos participantes

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

influenciador-tiago-toguro-publica-imagem-de-fotografo-como-se-fosse-ladrao-e-e-acionado-na-justica;-video

G1 Santos

Influenciador Tiago Toguro publica imagem de fotógrafo como se fosse ladrão e é acionado na Justiça; VÍDEO

Um morador de Guarujá, no litoral de São Paulo, teve a imagem publicada como se fosse um “suposto ladrão” pelo influenciador digital Tiago Toguro, que tem mais de 8 milhões de seguidores nas redes sociais. Ricardo Silva de Oliveira, de 34 anos, contou ao g1 que entrou na Justiça, pois chegou a temer pela própria vida. O caso aconteceu no Canto das Galhetas, na Praia das Astúrias. Ricardo contou que […]

today23 de novembro de 2023 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%