G1 Mundo

Mulheres são primeiras vítimas das guerras, mas não são lembradas em esforços de paz, diz ONU

today8 de março de 2023 8

Fundo
share close

A reunião, na véspera do Dia Internacional da Mulher, coincidiu com a da Comissão sobre o Estatuto da Mulher (CSW, na sigla em inglês), que deu início ontem a duas semanas de encontros em Nova York.

Em 20 anos, “não mudamos de forma significativa a composição das mesas de negociação da paz, nem alteramos a impunidade da qual desfrutam aqueles que cometem atrocidades contra mulheres e jovens”, lamentou no encontro a diretora-executiva da ONU Mulheres, Sima Bahous.

A diretora citou o Afeganistão, “um dos exemplos mais extremos do retrocesso nos direitos das mulheres” desde o regresso dos talibãs ao poder, em agosto de 2021, e a guerra na Ucrânia, onde “as mulheres e seus filhos representam 90% dos cerca de 8 milhões de ucranianos que tiveram que abandonar o país”.



A embaixadora dos Estados Unidos perante a ONU, Linda Thomas-Greenfield, pediu que a comunidade internacional “aplique o programa ‘mulheres, paz, segurança'”, título da resolução da ONU que completará 25 anos em outubro de 2025. O texto “reitera o papel importante das mulheres na prevenção e resolução dos conflitos, nas negociações de paz, e insiste na importância de uma participação igualitária e do seu envolvimento total para manter e promover a paz e segurança”.

A diplomata criticou “a violência e a opressão contra as mulheres e jovens em todo o mundo”, do Irã ao Afeganistão, passando por áreas da Ucrânia ocupadas pela Rússia.

A representante de França, Marlène Schiappa, secretária de Estado para a Economia Social e Solidária, denunciou que, “em qualquer situação de conflito e crise em Ucrânia, Iêmen, Somália, etc., as mulheres são particularmente afetadas, sendo alvos deliberados, inclusive, de violência sexual”.

“Apenas 28% dos acordos de paz contêm determinações sobre o lugar da mulher, e, nos últimos 25 anos, apenas 2% dos mediadores e 8% dos negociadores eram mulheres”, ressaltou Marlène.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

video:-carro-colide-em-estudio-durante-transmissao-ao-vivo-nos-eua

G1 Mundo

VÍDEO: Carro colide em estúdio durante transmissão ao vivo nos EUA

Nathan Reeves e Alexsey Reyes utilizavam uma cafeteria como estúdio na hora do acidente. Carro colide em estúdio durante transmissão ao vivo nos EUA A transmissão ao vivo de um podcast em, Houston, Texas, nos Estados Unidos, foi interrompida quando um carro colidiu com uma cafeteria que os apresentadores utilizavam como estúdio na terça-feira (7). Nathan Reeves e Alexsey Reyes estavam gravando seu podcast quando o carro bateu na janela […]

today8 de março de 2023 9

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%