G1 Santos

Muro de cemitério é pichado com ameaças em meio a Operação Verão no litoral de SP: ‘PM vai morrer’

today14 de março de 2024

Fundo
share close

O muro do Cemitério Municipal da Areia Branca, em Santos, no litoral de São Paulo, foi pichado com ameaças à Polícia Militar em meio à intensificação da Operação Verão na Baixada Santista. Em imagem obtida pelo g1, nesta quinta-feira (14), é possível ver as frases ‘PM vai morrer’ e ‘luto eterno’ no muro, que foi coberto com tinta branca poucas horas depois (veja acima).

Segundo apurado pela reportagem, as mensagens apareceram no muro do cemitério, situado na Avenida Nossa Senhora de Fátima, durante a madrugada de quarta-feira (13). Em nota, a Secretaria de Prefeituras Regionais informou que uma equipe da Coordenadoria de Cemitérios pintou a parede de branco na manhã do mesmo dia.

A Guarda Civil Municipal e a Polícia Militar foram acionadas, mas não conseguiram localizar e capturar o responsável. Questionada, a Prefeitura de Santos disse não ter imagens do momento do ato.



Caso aconteceu no ponto final do bairro Rádio Clube, em Santos (SP) — Foto: Reprodução

A pichação ocorreu em meio a uma onda de violência na Baixada Santista. Na segunda-feira (11), dois homens, 32 e 41 anos, morreram em confronto com policiais que investigavam um ponto de tráfico na divisa entre Santos e São Vicente. Horas depois, um ônibus municipal de Santos foi incendiado por criminosos.

Na madrugada de terça-feira (12), outro suspeito morreu após ameaçar uma equipe policial que investigava uma denúncia contra ele no bairro Itararé, também em São Vicente. Na noite do mesmo dia, dois ônibus foram incendiados, mas no ponto final do bairro Rádio Clube.

Ainda na terça, Cristiano Lopes Costa, apontado como chefe de uma facção criminosa e conhecido como ‘Meia Folha’, foi assassinado em frente a um carrinho de lanches em Guarujá. Na ocorrência, o ex-vereador Geraldo Soares Galvão, que estava no local, também foi baleado e está internado.

Dupla foi morta no Dique do Sambaiatuba, em São Vicente (SP) — Foto: Reprodução

O g1 entrou em contato com a PM e a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP) para um posicionamento sobre as ameaças, mas ainda não havia retorno até a última atualização da reportagem.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

homem-morto-em-operacao-policial-foi-fotografado-usando-muletas-1h-antes-de-ser-baleado;-pm-diz-que-houve-confronto

G1 Santos

Homem morto em operação policial foi fotografado usando muletas 1h antes de ser baleado; PM diz que houve confronto

Leonel Andrade Santos, de 36 anos, é um dos 43 mortos da Operação Verão, em vigor na Baixada Santista, no litoral de São Paulo. Ele usava muletas quando foi baleado, segundo a PM, durante um confronto no Morro São Bento, em Santos. Além dele, Jefferson Ramos Miranda, de 37 anos, também foi morto. Uma moradora da comunidade fotografou Leonel aproximadamente uma hora antes da morte, ao lado das muletas, como […]

today14 de março de 2024 12

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%