G1 Mundo

O que Biden, que anunciou nova candidatura, alcançou (e o que não) no primeiro mandato

today28 de abril de 2023 8

Fundo
share close

A pandemia de Covid-19 levou a uma grande alta do desemprego nos Estados Unidos em 2020, quando o índice de pessoas sem trabalho passou de 14%.

A economia gerou muito mais postos de trabalho do que o esperado. Os dados de janeiro de 2023 do Departamento de Trabalho superaram todas as expectativas, com a criação de 517 mil novos empregos, levando o desemprego para 3,4%. É o nível mais baixo desde maio de 1969.

Investimentos em tecnologia



Com incentivos de US$ 52 bilhões (cerca de R$ 262 bilhões), no âmbito da chamada Lei dos Chips (Chips and Science Act), Biden ajudou a indústria doméstica de chips a alavancar a produção de semicondutores.

Produtos de alta tecnologia, como chips de computadores, baterias e carros elétricos, deverão novamente ser feitos nos Estados Unidos, com incentivos e apoios do governo.

Cadeias de produção deverão ser garantidas com incentivos a investimentos e políticas industriais ativas.

Os primeiros resultados já puderam ser vistos: todos os grandes fabricantes mundiais de chips e baterias anunciaram investimentos milionários nos Estados Unidos.

Subsídios, créditos fiscais, empréstimos: com cerca de US$ 369 bilhões (cerca de R$ 1,86 trilhões), o governo quer combater a crise climática ao longo dos próximos dez anos, no âmbito da Lei de Redução da Inflação (Inflation Reduction Act, ou IRA), de agosto de 2022.

A produção de energias renováveis deverá ser ampliada, a eficiência energética de residências deverá ser melhorada, e as emissões de usinas a gás e carvão, reduzidas.

Um cidadão norte-americano que decidir comprar um carro elétrico usado receberá um subsídio de 4 mil dólares. Se for um carro novo, de 7.500. Com isso, os EUA querem reduzir suas emissões em 40% até 2030.

A mesma lei também prevê investimentos de US$ 64 bilhões (R$ 322 bilhões) no sistema de saúde dos Estados Unidos. A ideia é ajudar os cidadãos com os custos de planos privados de saúde e também reduzir os preços de medicamentos. Também as contribuições próprias são reduzidas: um paciente com diabetes precisa pagar apenas 35 dólares por mês pela sua insulina.

Renovação da infraestrutura

O pacote para a infraestrutura, aprovado em novembro por maioria de votos dos dois partidos, prevê cerca de US$ 1 trilhão (cerca de R$ 5 trilhões). Estradas, pontes e ferrovias, bem como portos e aeroportos em todo o país deverão ser renovados, e áreas rurais deverão receber internet de banda larga. O pacote inclui também mais estações de recarga de carros elétricos e incentivos para ônibus elétricos.

EUA: Em Chicago, desfile comemora a decisão da Suprema Corte dos EUA de permitir o casamento gay em todo o país — Foto: AP Photo/Nam Y. Huh

Além disso a lei elimina um trecho que definia o casamento como a união entre um homem e uma mulher, já classificado de inconstitucional.

Biden fez história já ao entrar na Casa Branca, quando nomeou como secretário dos Transportes um homem declaradamente homossexual, Pete Buttigieg.

Retomada das relações transatlânticas

Depois de seu antecessor, Donald Trump, favorecer ações nacionais isoladas e até mesmo ameaçar com a saída dos Estados Unidos da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), Biden retomou a cooperação internacional e, com isso, o tradicional rumo da política externa americana.

Os Estados Unidos assumiram a liderança no apoio conjunto, com a União Europeia, à Ucrânia depois da invasão da Rússia. Desde o início da guerra, os EUA já ofereceram mais de 70 bilhões de dólares em ajuda à Ucrânia.

Apenas um leve endurecimento da lei de armas

Biden chamou de importante a lei de proteção contra a violência por armas de fogo, que ele assinou em junho de 2022, mas reconheceu que esperava mais.

O acordo entre democratas e republicanos prevê que compradores de armas com menos de 21 anos sejam mais fortemente controlados. Incentivos financeiros devem fazer com que estados retirem temporariamente as armas de portadores potencialmente perigosos.

Além disso, um pacote bilionário deverá tornar as escolas mais seguras e garantir um melhor atendimento psiquiátrico. Mas: a proibição de fuzis de assalto foi bloqueada pelos republicanos.

Com os atentados em Uvalde, no Texas, e em Buffalo, em Nova York, a lei se mostrou aquém das expectativas.

O presidente dos EUA não conseguiu implementar muitas de suas promessas de campanha:

Fiasco na retirada do Afeganistão

VÍDEO: Pessoa cai de avião ao tentar fugir no Afeganistão

VÍDEO: Pessoa cai de avião ao tentar fugir no Afeganistão

O ponto baixo da presidência de Biden foi a caótica retirada de tropas americanas do Afeganistão. O mundo inteiro viu as imagens de afegãos que tentavam se agarrar aos aviões dos EUA no aeroporto de Cabul. Biden queria encerrar a presença americana no Afeganistão sem barulho, mas o resultado foi um fiasco.

A insistência de Biden em encerrar a presença americana ainda antes de 11 de setembro de 2021 (20 anos depois do 11 de Setembro) foi muito criticada. Segundo muitos analistas, isso favoreceu o retorno ao poder do grupo fundamentalista Talibã. Em meio à retirada, um atentado suicida no aeroporto de Cabul matou cerca de 170 civis afegães e 13 soldados dos EUA.

Questão migratória em aberto

Ônibus com migrantes estacionam perto da casa da vice-presidente dos EUA, Kamala Harris

Ônibus com migrantes estacionam perto da casa da vice-presidente dos EUA, Kamala Harris

Depois do governo Trump, Biden prometera uma política migratória mais humana para a fronteira sul dos Estados Unidos. Ele colocou a vice-presidente, Kamala Harris, no posto de encarregada especial de migração com a missão de conter a migração ilegal.

Até aqui, a missão fracassou. É verdade que crianças não são mais separadas dos pais na fronteira e colocadas em campos que lembram prisões, mas famílias continuam sendo separadas.

Também deportações aceleradas sem verificação jurídica voltaram a ser rotina. E o número de pessoas que chegam todos os dias à fronteira se manteve alto — foram 8 mil em dezembro passado.

A nova abordagem de Biden: até 30 mil migrantes por mês, vindos da Venezuela, da Nicarágua, de Cuba ou do Haiti, podem entrar de forma legal nos EUA, para ficarem por dois anos, se passarem por um controle rigoroso de antecedentes. Em contrapartida, 30 mil imigrantes ilegais desses países são deportados.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

homem-e-capturado-em-praia-grande-suspeito-de-aplicar-golpes-em-prefeitura-do-interior-de-sp

G1 Santos

Homem é capturado em Praia Grande suspeito de aplicar golpes em prefeitura do interior de SP

O homem, de 27 anos, é investigado pelos crimes de estelionato e associação criminosa contra a Prefeitura de Pirapozinho (SP). A Polícia Civil também apreendeu celulares utilizados por ele durante golpes. Celulares utilizados durante golpes foram apreendidos pela Polícia Civil — Foto: Divulgação/Polícia Civil A Polícia Civil capturou um homem em Praia Grande, no litoral de São Paulo, suspeito de aplicar golpes contra a Prefeitura Pirapozinho (SP). Segundo a corporação, […]

today28 de abril de 2023 9

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%