Pleno News

ONGs usam verbas públicas para estimular o uso de drogas

today23 de fevereiro de 2023 16

Fundo
share close

Marco Feliciano
23/02/2023 15h35

Entidade distribuiu kits com itens para uso de drogas Foto: Reprodução/Instagram ELRD

Como sempre, a sociedade cria serpentes para atacar o próprio povo. O fato a que me refiro são ONGs que usam verbas públicas para estimular o uso de drogas pelos nossos jovens.

Esses dias, uma dessas ONGs, a Organização Escola Livre de Redução de Danos, com sede na cidade de Olinda, em Pernambuco, foi denunciada por ter distribuído, durante o carnaval, um “kit de redução de danos”.

O kit continha água, protetor solar, preservativo, sedas (papel para enrolar maconha), piteiras, cartões (para espalhar a cocaína) e canudos (para aspirar o pó). Também foi montada uma casa de acolhimento ao usuário. Fato que recebeu inúmeras críticas por apologia ao uso de drogas.

O que nos causa asco é o fato de essas ONGs usarem dinheiro público, em vez de orientarem os jovens quanto aos malefícios das drogas. O trabalho delas vai no sentido contrário, pois, estimulam e romantizam o nefasto uso das drogas desde a adolescência.



Como resultado, criam um exército de “zumbis” que vagueiam nas grandes cidades, aos bandos, sem perspectiva de futuro. Isso, para desespero dos pais, que precisam trabalhar e cuidar dos outros filhos.

Em sua defesa, a ONG alega que só tenta proteger o usuário. Mas se esquece de que apologia ao uso de drogas é crime, de acordo com a Lei 11.343/06: “para quem induzir, instigar ou auxiliar (grifo nosso) alguém ao uso indevido de drogas”.

Essas entidades de cunho esquerdista fazem questão de se apresentar como salvadoras da Pátria; mas são verdadeiros lobos em pele de cordeiro, estimulando nossos jovens ao uso indiscriminado de drogas, à erotização precoce de nossas crianças, ao sexo sem responsabilidade, oferecendo a facilidade do aborto, à negação da religião, ajudando a proliferar os maus costumes, passando drogas consideradas leves.

Ressalto que, para mim, todas as drogas são pesadas. Das ditas mais leves até as mais perigosas, como o crack, que é a maior desgraça e flagelo dos jovens que ingressam por esse caminho; porque só encontram volta com a Palavra de Deus adentrando nos corações.

Estamos atentos, no Congresso Nacional, quanto à distribuição de verbas para essas ONGs de fachada, usadas por inescrupulosos que se locupletam do dinheiro público.

Finalizo agradecendo a Deus por nos dar ferramentas legais, no Parlamento, para barrar organizações criminosas, disfarçadas de obras do bem; pois, dessa maneira, podemos desmascarar seus membros. E peço que Ele derrame as mais escolhidas bênçãos celestiais a todos os jovens vítimas do mal.

Marco Feliciano é pastor e está em seu terceiro mandato consecutivo como deputado federal pelo Estado de São Paulo. Ele também é escritor, cantor e presidente da Assembleia de Deus Ministério Catedral do Avivamento.

* Este texto reflete a opinião do autor e não, necessariamente, a do Pleno.News.

Leia também1 Polícia Civil fecha espaço após denúncia por apologia às drogas

Siga-nos nas nossas redes!

O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Pleno News.

Por: Marco Feliciano

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

homem-visita-asbury-e-ao-retornar-para-casa-descobre-cura-milagrosa

Gospel Prime

Homem visita Asbury e ao retornar para casa descobre cura milagrosa

O mover na Universidade de Asbury, em Kentucky, nos Estados Unidos, atraiu a atenção do mundo inteiro. A partir do culto rotineiro do dia 8 de fevereiro, o evento se transformou num movimento com orações ininterruptas e levou muitas pessoas do mundo todo para o local. De acordo com o God TV, embora o culto na universidade tenha terminado em 23 de fevereiro, ele já é considerado um pequeno fogo […]

today23 de fevereiro de 2023 8

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%