G1 Santos

Pinguim-de-magalhães é resgatado após aparecer debilitado em praia do litoral de SP

today27 de julho de 2023 5

share close

Um pinguim-de-magalhães foi resgatado, nesta quarta-feira (26), na faixa de areia em Praia Grande, no litoral de São Paulo. O animal foi encontrado magro e debilitado. Por conta disso, foi encaminhado ao Instituto Biopesca, onde passa por tratamento.

Segundo a Guarda Costeira Municipal, o animal foi encontrado por banhistas na beira da praia do bairro Aviação. Ele estava aparentemente sem ferimentos, porém, muito magro e debilitado.

Ao chegar ao local, os agentes encontraram o pinguim dentro de um balde de gelo, procedimento que pode colocar a vida do animal em risco. Eles colocaram o pinguim em uma caixa adequada até a chegada da equipe do Instituto Biopesca.



De acordo com o Instituto, colocar o animal no gelo é um equivoco cometido pela população, tendo em vista que poderia ocasionar a morte do animal. Ao encalharem nas praias, geralmente os animais estão com a temperatura corporal baixa devido ao cansaço. Ao colocá-los no gelo, a situação é agravada, colocando a vida do animal em risco. A orientação é manter distância do animal, fazer silêncio e acionar os órgãos responsáveis.

O pinguim foi encaminhado ao Instituto, onde está realizando uma bateria de exames e recebendo os cuidados necessários para sua reabilitação. De acordo com a equipe do Biopesca, a reintrodução do animal ao seu habitat ainda está sendo estudada, pois dependerá da recuperação.

VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%