G1 Santos

Polícia Civil prende Tigrão, líder do tráfico de drogas no litoral de SP, além de fuzis e drogas com a ‘cara’ de Pablo Escobar

today25 de outubro de 2022 99

Fundo
share close

Thiago Santana da Costa, conhecido como ‘Tigrão’, apontado pela polícia como líder do tráfico de drogas no morro do José Menino em Santos, no litoral de São Paulo, foi preso. Segundo apurado pelo g1, ele foi detido ao entrar em um estabelecimento em Praia Grande. Policiais também apreenderam fuzis, munição e drogas embaladas com a cara de Pablo Escobar, que seria comercializadas pela organização criminosa em Santos.

Policiais civis do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC), com apoio de equipes da Gerência de Operações Especiais (GOE) realizaram o cumprimento do mandado de busca no morro do José Menino, nesta segunda-feira (24).

No morro, em alguns endereços, eles encontraram duas lunetas, três adaptadores de pistola, duas pistola glock de calibre 9mm (sendo uma dourada e outra fosca), nove carregadores e um revólver calibre 44. Além disso, apreenderam um fuzil calibre 556, um fuzil calibre 762, seis carregadores, 107 cartuchos de calibre 45, 159 cartuchos de calibre 556, 329 cartuchos de calibre 762, 50 cartuchos calibre 44 e 113 cartuchos de calibre 556.



Polícia Civil apreendeu armas e drogas com a ‘cara’ de Pablo Escobar — Foto: Reprodução

Os policiais também apreenderam drogas e objetos para preparo e comercialização dos entorpecentes como 35 mil frascos plásticos vazios para armazenamento, oito balanças de precisão, 10 rádios comunicadores, duas máquinas seladoras, dois sacos contendo substância semelhante à cocaína com 2,8 Kg e 240 porções de cocaína. Um veículo também foi apreendido.

Já o delegado Francisco Venceslau, em entrevista à TV Tribuna, afirmou que a prisão do traficante aconteceu em Praia Grande, após um trabalho intenso de investigação desenvolvido pelo Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC). A ação também tinha como objetivo a apreensão das drogas, do armamento e das munições.

Apontado como líder do tráfico em Morro do José Menino, em Santos, é preso por policiais do Deic em Praia Grande — Foto: Polícia Civil/Divulgação

“São dois fuzis que foram apreendidos, armas de emprego em situação de conflito de guerra e essas armas estavam no morro do José Menino, local em que ali estavam estocadas pelo mandatário máximo do crime organizado naquela região. Nós o prendemos em outra localidade, mas ali pertencia a sua esfera de atuação”, disse.

De acordo com Venceslau, ‘Tigrão’, que foi preso em Praia Grande, tem fortíssima ligação com o crime, sendo um dos integrantes de um grupo específico de uma facção criminosa, denominado ‘Os 14’. “Esse grupo muito específico tem uma grande importância no seio da organização criminosa”.

O delegado afirmou, ainda, que o preso responderá pelos crimes de tráfico de drogas, por integrar organização criminosa e por posse de arma de fogo de uso restrito.

Moradores registraram troca de tiros e um homem foi baleado no Morro do José Menino, em Santos — Foto: Reprodução

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

casal-com-r$-1.000-em-notas-falsas-e-preso-pela-policia-federal-no-litoral-de-sp

G1 Santos

Casal com R$ 1.000 em notas falsas é preso pela Polícia Federal no litoral de SP

Suspeitos receberam cédulas pelo correio e as distribuiriam pela Baixada Santista. Mulher de 27 anos e o homem de 36 estavam com R$ 1.000 em notas falsas, distribuídas em 20 notas de R$ 5 — Foto: Reprodução Um casal foi preso pela Polícia Federal (PF) em Praia Grande, no litoral de São Paulo, após ser visto com dinheiro falso. Os suspeitos receberam as cédulas pelo correio e utilizariam o dinheiro […]

today25 de outubro de 2022 14

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%