G1 Santos

Por Pelé, pessoas se superam e enfrentam horas de espera em velório

today3 de janeiro de 2023 30

Fundo
share close

O superintendente operacional Anderson Tomaselli, de 48 anos, pode se considerar um vencedor. Ele esperou três horas para se despedir de Pelé, chegando por volta das 21 horas e saindo pouco depois da meia-noite. “Esperaria o tempo que fosse preciso para esse momento”, afirma o morador do bairro Saboó, em Santos.

A distância de cerca de 5 metros entre o local de passagem das pessoas e a tenda com o caixão foi o mais perto que Anderson conseguiu chegar do Rei do Futebol. “O máximo até então foi tê-lo visto no camarote na Vila. Até tenho um autógrafo dele, mas conseguiram para mim”, relembra.

Sandra estava acompanhada do marido, o vendedor Marcelo Silva e o filho Leonardo, de 7 anos — Foto: Ted Sartori



A analista de exportação Sandra Alves era outra que estava realizada, mesmo depois de enfrentar quase quatro horas de fila para a despedida de Pelé. “Ele levou o Santos e a Cidade para o mundo. Todas as homenagens feitas ainda serão poucas diante de tudo o que ele representa”, afirma a moradora do bairro Gonzaguinha, em São Vicente.

Sandra estava acompanhada do marido, o vendedor Marcelo Silva e o filho Leonardo, de 7 anos. Enquanto o pai chegou a atuar nas categorias de base do clube, o menino veio pela segunda vez no estádio – a outra havia sido em outubro, em evento no Dia da Criança. “Ele queria vir de tanto o avô, que veio de Aracaju, em Sergipe, falar do Pelé. Lá em casa se aprende a cantar o hino do Santos antes de falar”, conta Sandra.

Em meio a isso, a Torcida Jovem homenageou Pelé no velório, deixando arrepiada a autônoma Fabiana Alves Chinen. Ela nem acreditou na tranquilidade do filho Luan. O velório de Pelé foi a primeira vez do menino de 2 anos na Vila Belmiro. “Pensei que ele fosse chorar, pois foi bem na hora que a Torcida Jovem começou a cantar. Mas isso não aconteceu. Sinal de que ele é santista mesmo”, conta a torcedora, que também estava acompanhada do filho Yuri, de 15 anos.

Fabiana Alves Chinen foi ao velório com os dois filhos para prestar homenagem ao Rei do Futebol. — Foto: Ted Sartori

Por outro lado, imagine um trio de torcedores corintianos uniformizados para se despedir de Pelé. Tinha também na longa fila do velório: eram Dorival Fagundes, de 62 anos, o filho Pedro, de 9, e o sobrinho Wagner, de 47 anos. ‘Viemos de São Paulo para isso. E ele fez muitos gols contra a gente”, lembra Dorival.

“O mais importante é que ele fazia a arte dele, sem essas coisas de agora. Hoje não tem rivalidade. Tanto que viemos com a camisa do Corinthians. Tudo pelo Pelé”, comenta.

Dorival Fagundes, de 62 anos, o filho Pedro, de 9, e o sobrinho Wagner, de 47 anos. — Foto: Ted Sartori

Ao fim do velório nesta terça-feira, o corpo seguirá em cortejo pela Avenida Bernardino de Campos, Canal 2, indo até a orla, e chegando até a Avenida Joaquim Montenegro, o Canal 6, na Ponta da Praia, perto de onde reside dona Celeste. Ela completou 100 anos em 20 de novembro.

Depois, o cortejo segue pela praia até a Avenida Pinheiro Machado, Canal 1, rumo ao cemitério Memorial Necrópole Ecumênica, no bairro Marapé, para o sepultamento restrito aos familiares.

Daqui a algum tempo, o mausoléu no primeiro andar do local, onde ficará o corpo do Rei do Futebol, será aberto para visitação.

A madrugada fez diminuir bastante o fluxo de autoridades e celebridades na Vila Belmiro. Torcedor do Santos, o cantor Suola esteve no velório de Pelé por cerca de uma hora.

O filho do político Eduardo Suplicy (PT), outro torcedor do Peixe, lembrou do passado da família no clube e o valor do Rei no exterior. “Quando se fala no Brasil no exterior, é Pelé. Não tem outra coisa. Love, love, love por Pelé”, comentou.

Eduardo Suplicy (PT), lembrou do passado da família no clube e o valor do Rei no exterior. — Foto: Ted Sartori

A frase refere-se aos dizeres de Pelé em sua despedida do futebol, em 1977, pelo Cosmos, em Nova Iorque, nos Estados Unidos. “Vou dar um salve pro Rei”. Foi a frase do rapper Mano Brown ao chegar no velório de Pelé na Vila Belmiro. E foi só isso que ele disse. Ele deixou o velório às 2h20 sem falar com a imprensa.

O ex-jogador Neto mostrou todo seu amor por Pelé na chegada ao velório na Vila Belmiro. “Ele não é um.ídolo brasileiro, mas do mundo. Mas estamos em um país sem educação nem cultura. O Edson é humano e falha. O Pelé não”, afirma.

O ex-jogador Neto mostrou todo seu amor por Pelé na chegada ao velório na Vila Belmiro. — Foto: Ted Sartori

Pelé morreu na quinta-feira (29), depois de um mês internado no Hospital Albert Einstein, na Capital. Ele tratava de um câncer no cólon.

O quadro sofreu agravamento no dia 21 de dezembro, quando o boletim médico indicava “progressão oncológica”, com necessidades de cuidados para as funções renais e cardíacas.

O velório do Rei do Futebol começou às 10h desta segunda-feira (2), na Vila Belmiro, e deverá durar 24 horas. Em seguida, o corpo será sepultado em Santos após um cortejo.

VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

entenda-o-esquema-montado-para-o-segundo-dia-do-velorio,-cortejo-e-sepultamento-de-pele

G1 Santos

Entenda o esquema montado para o segundo dia do velório, cortejo e sepultamento de Pelé

O velório de Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, começou às 10h de segunda-feira (2), atravessou a madrugada e tem previsão de terminar às 10h desta terça-feira (3). Passada essa etapa das homenagens, o corpo deixará a Vila Belmiro e seguirá em cortejo pelas ruas de Santos, no litoral de São Paulo, onde o Atleta do Século desfilou o talento entre 1956 e 1974. Depois de chegar ao Canal 6, […]

today3 de janeiro de 2023 15

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%