Prefeitura de Guarujá

Prefeitura formaliza doação de áreas onde estão em construção 580 unidades habitacionais

today10 de outubro de 2022 28

Fundo
share close

Terrenos estão localizados no Cantagalo (região da Enseada) e Parque da Montanha, na Vila Edna, totalizando 27,8 mil  metros quadrados doados pela Prefeitura à CDHU

O prefeito de Guarujá, assinou, na última sexta-feira (7), escrituras definitivas formalizando a doação de duas áreas à Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo (CDHU), onde estão em construção as 580 unidades habitacionais do programa estadual Vida Digna, que visa à erradicação de palafitas de áreas de alta vulnerabilidade social.

As duas áreas estão localizadas no Cantagalo (região da Enseada) e Parque da Montanha, na Vila Edna, totalizando 27.863,96 metros quadrados de área doada pela Prefeitura à CDHU.

No Cantagalo, em área de 16.721,66 metros quadrados estão em construção 340 unidades habitacionais (Projeto Guarujá ‘O’); e no Parque da Montanha, em área de 11.142,30 metros quadrados, são mais 240 unidades (Projeto Guarujá ‘N’).

Com a formalização, a CDHU reúne toda a documentação necessária para a conclusão dos empreendimentos. As obras, em ambas as áreas, estão a todo vapor, e as primeiras unidades devem ser entregues nos próximos meses.



As futuras unidades continuam priorizando as famílias do Complexo Prainha/Marezinha, que há décadas moram em área irregular, de expansão portuária, que pertence à União e que não têm as condições de habitabilidade e nem infraestrutura necessária para moradia.

O programa estadual Vida Digna contemplou Guarujá com as 580 unidades habitacionais, conforme convênio firmado entre a Prefeitura e a CDHU. De acordo com a Secretaria Municipal de Habitação, o Município não despenderá de recursos próprios para a construção dessas moradias, ficando a cargo do Governo Estadual todo o investimento.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Prefeitura de Guarujá.

Por: Tiphany

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

assembleia-de-deus-faz-primeiro-congresso-de-jovens-pos-pandemia

Gospel Prime

Assembleia de Deus faz primeiro congresso de jovens pós-pandemia

A Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Viamão, no Rio Grande do Sul, realizou no último final de semana seu primeiro encontro de jovens pós-pandemia. Foram dois dias de evento com centenas de jovens. O evento da União de Jovens da Assembleia de Deus de Viamão (UJADV) contou com a participação de centenas de pessoas, além do coral com mais de 200 vozes, retomando um dos principais eventos da agenda […]

today10 de outubro de 2022 41

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%